ZzZzZzZz

Acordou num sobressalto: Meus Deus, dormi na sessão! Pensou consigo, bem baixinho, mas bem baixinho mesmo. Certa vez teve a impressão de que ela poderia ler seus pensamentos e era bom não vacilar. Mas havia vacilado e que tremenda mancada. Também pudera, trabalhara demais ao longo de toda aquela semana e a festa de comemoração do lançamento Continue lendo “ZzZzZzZz”

E deu Peixe!

A festa do futebol de 2004 estava realmente emocionante. Um ano inteiro de muita bola rolando. Muito embora já há quem fale em mudar a fórmula (ai, ai ai, de novo?), não vejo nela a justificativa para o baixo público. Não faltou emoção para vários clubes até a última rodada e para todos até um pouquinho antes. Já a falta de dinheiro sim. O esporte do povo está com preços de casas de teatro Continue lendo “E deu Peixe!”

Paradinha I – Rei Pelé

O texto abaixo faz parte de uma série que estava aguardando pela presença de um desenhista que os formatasse em tirinha. Como ele ainda não apareceu, resolvi começar a publicação. Quem sabe alguém por aqui se habilite, não é mesmo? São brincadeiras em forma de propaganda e até mesmo uma paródia de algum comercial, como é o caso deste primeiro. OS demais seguirão em intervalos periódicos (isso não é uma redundância?) semelhante aos próprios reclames do dia-a-dia.

Continue lendo “Paradinha I – Rei Pelé”

Eric Fróid

No início tudo parecia mais uma tese de um jovem talentoso recém-formado e então desacreditado e semi-desempregado. Mas Eric Fróid tinha idéias fervilhando pelas suas vastas ramas neuronais. Também não era de dar muita atenção às desmotivadoras opiniões alheias, o que talvez explicasse sua persistência. E foi assim que chegou até sua mais admirado projeto: o alimento em cápsulas. Consistente, vitaminado, saudavelmente balanceado nas fibras, proteínas e tudo mais, demorou muito Continue lendo “Eric Fróid”