A Semana dos Quadrinhos 131

INTERNACIONAL
Adeus, Eduardo Teixeira Coelho
 
Morreu, no dia 31 de maio, Eduardo Teixeira Coelho, o quadrinhista português mais conhecido, no plano internacional. Ainda este ano, um álbum seu, publicado em setembro de 2004, pela Glénat, concorreu a um prêmio em Angoulême. Para além de seus 80 anos, Teixeira Coelho procurou com a obra, 'Ragnar', assinalar que é possível reunir fantasia, aventura e humanismo, como fez durante toda a sua vida. O Neorama dos Quadrinhos publicou uma homenagem exclusiva, ilustrada pelo cartunista gaúcho Wagner Passos.
 
1.300 páginas de Bone
 
Bone, de Jeff Smith, o maior sucesso dos quadrinhos independentes americanos e um caso feliz de sucesso de crítica e público , depois te ter virado game, agora ganhou uma coletânea completa, em um único volume. Todas as aventuras dos 3 primos Bone estão em 'Bone: One Volume Edition', volume de 1.300 páginas que sai por cerca de 27 dólares em lojas virtuais.
 
Hayao Miyazaki no MoMA
 
Até o dia 30 de junho, no MoMA, em Nova York, está aberta ao público a exposição 'Hayao Miyazaki and Isao Takahata: Masters of Animation'. Dentro da mostra, acontece a estréia nos EUA do novo filme de animação de Miyazaki: 'Howl's Moving Castle' (cujo título no Brasil é O Castelo Animado). Além do estreante, a mostra, com apoio dos estúdios Disney, inclui mais 12 filmes de animação dos 2 criadores.
 
5 ases num gibi
 
A Desperado Publishing lançou – em parceria com a Image Comics- o primeiro número de seu novo carro chefe: um gibi de 40 páginas a 2 dólares com histórias fechadas de autores como Paul Jenkins, Brian Stelfreeze, Phil Hester e Ron Marz, além de uma capa de Brian Bolland, cuidadosamente estudada para ser 'vista' em meio a centenas de outros títulos nas gibiterias americanas. Além dos nomes conhecidos, um trabalho coletivo de 7 iniciantes. Trata-se de Desperado Primer, que, pelas resenhas, vai ter algumas sequências que vão ficar na história deste ano de 2005.
 
Um manhwa excelente
 
A resenha de Splashcomics para o terceiro volume de Tarot Café na Alemanha, pela Achterbahn, nos deu a oportunidade de cobrir uma lacuna importante em nossos resumos: um manhwa aplaudido efusivamente por críticos de vários países: Tarot Café, da coreana Park Sang Sun. Muito além de Ragnarök e Chonchu, as 'vicissitudes da alma e do coração', alma dos manhwas, segundo a própria quadrinhista, encontraram uma forma superior de manifestação artística. Além de um traço delicado e extremamente pessoal Park Sang Sun tem roteiros que acompanham o leitor e seus pensamentos muitas horas depois da leitura. Portanto, se você quer surpreender alguém com quadrinhos do outro lado do mundo, nossa dica, sem dúvida, é Tarot Café.
 
O desenhista mais copiado do mundo
 
Um livro sobre um desenhista que inclui passagens de Italo Calvino, Roland Barthes, Ernst Gombrich, Eugeni Ionesco, John Updike e Saul Bellow. Antológico, não? Trata-se de 'Saul Steinberg', sobre o desenhista mais copiado do mundo, que será lançado pela editora italiana Marcos y Marcos em Milão, no dia 7 de junho. A obra pretende exatamente começar a reverter a desproporção entre a enorme presença do traço do romeno Saul Steinberg (1914/1999), que desenvolveu toda a sua carreira nos EUA, em várias manifestações da arte e seu desconhecimento tanto acadêmico como por parte do grande público, seguindo a obra lançada em fevereiro nos EUA, 'Steinberg at The New Yorker'. O preço anunciado é 18 euros.
 
Nos labirintos de Tintin
 
Situado em Barvaux sur Ourthe, próximo a Durbuy, La Labyrinthe, um enorme parque ajardinado, inaugurará sua nova versão em 9 de julho. Com isso, os belguinhas terão uma nova forma de manter contato com Tintin: o jardim será todo remodelado, como acontece anualmente desde sua  inauguração, em 1997, mas em 2005, a temática serão os jardins das histórias de Tintin, em particular, os do Castelo de Moulinsart. E quem vai guiar as crianças nesta incursão será o próprio Milou. 
 
Pimentinha na galeria
 
Uma galeria de artes em Londres está sediando uma grande exposição de Pimentinha, um símbolo nacional dos quadrinhos britânicos, até 2 de julho. A London Print Studio, em West London, convocou alguns dos valores da nova geração inglesa, inclusive Simone Lia, para mostrar a sua visão do personagem, em trabalhos que estão à venda, ao lado de tiras originais.
 
Nova cooperativa de quadrinhistas
 
Blank Label Comics é o nome de uma nova forma de cooperação de 6 quadrinhistas, anteriormente integrantes da Keenspot, para autopublicação nos EUA. O conceito da Blank Label é que cada artista ajude os outros naquilo que cada um conhece mais. Além de publicar notícias sobre o próprio grupo, o site da cooperativa – inaugurado em maio-  promete abrir espaços para outros autores. Uma afirmação do coletivo deixa muito claro que eles não pretendem concorrer com os syndicates.
 
A estréia mundial de Batman Begins
 
O hotel Grand Hyatt Tokyo foi o palco para a estréia mundial para a imprensa de Batman Begins, na terça-feira. Estiveram presentes os atores Christian Bale, Morgan Freeman, Liam Neeson e Katie Holmes. Mais uma vez, quem deu um show de cobertura foi o Wire Image, que poucas horas depois do evento, publicava dezenas de fotos do evento, em miniaturas gratuitas para o público final e em cópias pagas para os meios de comunicação.
 
Ziggy em DVD
 
Ziggy's Gift é o nome do primeiro DVD de Ziggy, que será lançado na primavera americana. O diretor é Richard Williams (de Roger Rabbit). O DVD será lançado juntamente com uma coletânea das tiras de Ziggy, com o nome 'Ziggy's Gift: a Holiday Collection'.
 
Terceto de notícias do Quarteto Fantástico
 
'Fantastic Four: Unstable Molecules' é o nome do livro encadernado previsto para sair em julho, com 128 páginas, e que além de resgatar o inicio da série, como concebida por Jack Kirby e Stan Lee nos anos 60, de um ponto de vista histórico, ainda republica os 4 primeiros gibis do Quarteto. Um cuidado extra revela a intenção de que o livro seja lido por outros públicos: a capa é desenhada por Craig Thompson, autor de Blankets, um dos melhores valores da cena mundial independente, na atualidade. A obra já está sendo anunciada por lojas virtuais a 11 dólares, embora o preço de capa seja de 14 dólares.
 
Alan Davis está trabalhando em uma estória chamada Fantastic Four: the End, em que o Quarteto Fantástico é 'finalmente' vencido. A novidade, dentro da linha 'The End', da Marvel, está associada ao filme, que estréia em 8 de julho, nos EUA.
 
A Harper Collins está publicando o 'Storybook' ilustrado do novo filme, com um texto de primeira linha: a autora é Catherine Hapka, autora de inúmeros episódios de animação para TV da Disney e livros infantis. O livro que traz os principais detalhes sobre a produção do filme tem 48 páginas e preço anunciado de 8 dólares.
 
4 gibis número 1 da Marvel
 
'Marvel Age Marvel Classic Origins' é o titulo do volume posto à venda nos EUA em 18 de maio. Um belo presente para os fãs de quatro séries está contido no volume: a reedição dos números 1 de Hulk, Avengers, Daredevil e X-Men. Preço: 14 dólares 
 
Flamengos no Chile
 
A Universidade de Valparaíso (como já dissemos, a nova capital chilena da Nona Arte) estará sediando a maior mostra de quadrinhistas flamengos jamais montada na América Latina. Com o nome de 'Los Cómic Flamencos Actuales', entre 11 e 30 de junho 2005, os chilenos terão direito a ver os trabalhos de nada menos que 22 quadrinhistas de Flandres. Tão importante quanto a mostra, alguns quadrinhistas vão realizar oficinas com os estudantes da universidade e com quadrinhistas chilenos, além de debates em Santiago. A principal palestrante é Inge Heremans (de pseudônimo Ilah), que leva quase ao paroxismo o conceito de que a escola flamenga de quadrinhos é referência no traço claro.
 
Steve Ditko para os jovens
 
'Steve Ditko: Marvel Visionaries' é o nome de um livro em capa dura de 336 páginas que dá início à reedição de boa parte do que de melhor Steve Ditko produziu. Neste volume, a produção de Ditko na Marvel está em destaque, e além da reedição de HQs de Demolidor, Homem-Aranha e Hulk, algumas capas inéditas também estão incluídas. Preço anunciado: 30 dólares.
 
Conan. Assinado, Alex Ross
 
Depois da capa do DVD de animês de Gatchaman, Alex Ross realiza um novo trabalho para além da sua premiada trajetória no mundo dos super-heróis: uma litogravura de Conan. Inspirada no traço de John Buscema, a litogravura será lançada em agosto, ao preço de 30 dólares, com dimensão de 30 x 16 polegadas (mais de 75 por 48 centímetros).  
 
Lausanne herda parte de BD Sierre
 
Enquanto um grupo de apreciadores e artistas tenta manter Sierre como referência mundial da Suíça em Nona Arte, o senhor Pierre-Alain Hug, antigo presidente do festival BD Sierre encontrou uma nova ocupação. Ele anunciou um festival por nome BD-FIL, a ocorrer em Lausanne, de 2 a 4 de setembro. Infelizmente, o senhor Hug, que tem demonstrado tanto afinco em divulgar seu novo propósito não se deu o trabalho, desde janeiro, de atualizar a página eletrônica do festival de Sierre e, de público, explicar a 'mudança' do festival, forma com que a imprensa bedeiste vem apresentando o fato. Para os brasileiros, fica a notícia de que o nosso 'homem na Suíça', José Roosevelt, vai estar autografando exemplares de suas obras.
 
Festival do quadrinho autoral em Toronto
 
Toronto viveu, no final de semana de 28 a 30 de maio, sua verdadeira festa da Nona Arte, o The Toronto Comic Arts Festival 2005, encontro que reuniu mais de 100. Chester Brown, Darwyn Cooke, a dupla Eiland e Jeff Smith foram os convidados de honra. Entre artistas do Canadá, dos que têm mais renome fora de seu país, estiveram Ho Che Anderson, Genevieve Castree, Max Douglas, Bryan Lee O'Malley, Cameron Stewart e Peter Thompson. O time dos EUA compareceu com Paige Braddock, Vera Brosgol, Sam Hiti, Paul Hornschemeier, Kevin Huizenga, Carla Speed McNeil, Tara McPherson, Anders Nilsen e Andy Runton, entre muitos outros.
 
Doug Wright Awards
 
Confirmando nossa previsão, Seth foi um dos vencedores do Doug Wright Awards, o novo prêmio canadense para o quadrinho autoral, cujos laureados foram anunciados no Toronto Comic Arts Festival. O prêmio de Seth foi por seu álbum 'Clyde Fans, Book One', considerada melhor obra do ano. O prêmio para novo talento foi para Bryan Lee O'Malley autor das tiras de Scott Pilgrim e Lost at Sea. Bem a tempo para O'Malley, pois a compilação Scott Pilgrim 2 deve ser lançada no dia 15.
 
Katsuhiro Otomo, condecorado na França
 
Katsuhiro Otomo, desde a semana passada, é cavalheiro das Artes e das Letras na França. Otomo, conhecido em língua portuguesa pelos roteiros do mangá Akira, de temática adulta, foi laureado pelo ministério francês da cultura juntamente com alguns nomes de enorme representatividade no mundo da BD: Lewis Trondheim, Jacques Martin e Van Hamme, que receberam condecorações diferenciadas dentro da mesma ordem. Sorte dos portugueses, que acabam de ter lançado em DVD 'Memories' de Otomo.
 
Martin Mystére em videojogo
 
O álbum 'Operazione Dorian Gray' foi adaptado, na Itália, para videogame, pela Artematica. Segundo resenha de Lo Spazio Bianco, os personagens de Martin Mystére se adaptam muito bem em todas as simulações em 2 dimensões, onde o grafismo da série foi bem aproveitado. Mas o game, que custa 19,50 euros, apresenta vários problemas, além de estar tendo alguns bugs,  as figuras em 3D foram pouco cuidadas e a revista bônus, em quadrinhos, fica em muito a dever aos fumetti da Bonelli.
 
Uma bienal em Bratislava
 
Até 3 de julho, está aberta ao público a 20ª Bienal de Ilustração de Bratislava, realizada pelo centro de arte infantil Bibiana, que é a seção eslovaca da IBBY (Organização Internacional para o Livro Juvenil ). Uma exposição dos trabalhos classificados, com o nome 'Contemporary Slovak Illustration', estará acontecendo de  3 a 10 de julho.
 
Clara de Noche, em álbum
 
'Clara de Noche' as tiras de Carlos Trillo, Eduardo Maicas e Jordi Bernet que são publicadas semanalmente pela revista diária Página 12, na Argentina e pelo semanário humorístico El Jueves, da Espanha estão sendo publicadas numa compilação a cargo da Iron Eggs Ediciones, da Argentina. Nas tiras, a temática central é a duplicidade da vida de Clara, prostituta e mãe. A série é publicada sem interrupções na Argentina há 13 anos.
 
Montréal volta a ter um festival
 
Depois do 'Carrefour BD', de 1999, Montréal volta a sediar um festival de quadrinhos. Com um apoio para lá de interessante: o do festival 'Juste pour Rire', o maior evento em língua francesa do humor e artes cênicas das Américas. Com o nome de BD Montréal, o vento acontece de 14 a 24 de julho, num espaço previsto para acolher 40 stands. Está prevista a participação de autores europeus. Montréal passa a constituir o 3º festival de expressão francesa no Canadá, unindo-se ao Festival de BD, de Québec, e ao Rendez-vous da região de Outaouais. Não deixa de ser interessante que nas duas maiores cidades do Canadá são expressões de outras artes que dão carona aos quadrinhos: em Québec, foi a união com o Salão do Livro que deu maior projeção ao Festival de BD; esperamos que os amantes da BD de Montréal façam bom uso do apoio do Juste pour Rire, ampliando a safra de boas notícias canadenses de 2005.

Smoke: lançamento nota 10
 
Poucas capas de gibis atualmente são tão felizes como a de Smoke 1: Good Boys Grow up. É impossível encontrá-la em qualquer ambiente e não se interessar por ela. Mas a surpresa vai além da capa. A nova série de gibis com acabamento de primeira da IDW, com roteiro de Alex de Campi e arte de Igor Kordey começou com bom conteúdo, também. Para além de um thriller policial que envolve podres poderes e muitas variações de seus adoradores, a estória contem boas doses de sátira social ressaltadas com a sutileza do traço de Kordey. Para os colegas de The 4th Rail, além de uma nota 10, Smoke foi indicado como o melhor da semana, nos EUA. Cada gibi sai por 7,50 dólares.
 
Marko Ajdaric cura mostra
 
O coletivo de cartunistas Nosorog, de Banja Luka (República Sérbia de Montenegro) nos incluiu de selecionar 100 pranchas representativas da cena mundial dos quadrinhos para uma mostra a se realizar naquela cidade em outubro.
 
3º Salão de Belgrado
 
Belgrado sedia de 29 de setembro a 15 de outubro, a terceira edição do Medjunarodni Salon Stripa, ou Salão Internacional dos Quadrinhos, que teve em 2004 o desenhista inglês Brian Bolland (de Batman: a Piada Mortal) como principal nome. O envio de trabalhos já está aberto, podendo concorrer obras de qualquer nacionalidade, individuais ou coletivas. Os autores devem mandar, necessariamente, seu e-mail e telefone de contato. O e-mail de contato de Miki Pješcic, organizador do salão, é happy@skc.org.yu . Atualmente, o SKC, Studentski Kulturni Centar (Centro Cultural dos Estudantes), está editando 4 obras de autores sérbios de quadrinhos.
 
25 anos de Jovens Titãs
 
Além das suas revistas dedicadas a registrar em profundidade o trabalho dos quadrinhistas americanos, a editora TwoMorrows está com um presente extra para as estantes dos apreciadores de Marv Wolfman e George Perez: o livro 'The Titans Companion', que traz entrevistas de Marv Wolfman e George Pérez e também de  Neal Adams e Dick Giordano, além de  fazer uma remissão sobre a primeira série, dos anos 60. Preço anunciado: 25 dólares.
 
The Comics Journal 268
 
O número 268 do The Comics Journal, particularmente, assinala a preferência editorial da revista em selecionar resenhas de obras que não foram lançadas exatamente há pouco tempo, mas é um desfile de bons quadrinhos publicados ao longo dos últimos meses, nos Estados Unidos. Com capa de Craig Thompson (o entrevistado da edição), a TCJ traz 2 artigos pelo falecimento de Dale Messick, e resenhas de obras como 'The Unofficial Guide to the Art of Jack T. Chick' (o quadrinhista protestante que faz proselitismo com suas HQs); 'Scrapbook: Uncollected Work: 1990-2004', publicado pela Drawn and Quarterly, que traz todas as tiras de Adrian Tomine, especialmente apreciadas por suas publicações em The New Yorker e Esquire e 'Comics Poetry: the Adapted Victor Hugo', obra que foi pinçada por Terry Nantier, editor da NBM, selo que privilegia o quadrinho autoral entre os títulos da editora francesa Petit a Petit, sendo uma tradução de '13 Poèmes de Victor Hugo en Bandes Dessinées' em que poemas de Victor Hugo são recontados em quadrinhos, com ótimos resultados. Portanto, The Comics Journal continua indispensável para quem quer conhecer mais do que o 'elementar' em quadrinhos feitos nos EUA. Em tempo: o mais novo volume da Petit a Petit na linha de 'Victor Hugo' é 'Nouvelles de Jules Verne en Bande Dessinées', lançado em março.
 
Mattotti ilustra Kramsky
 
Na Itália, a editora Orecchio Acerbo publicou em maio mais 2 volumes com estórias dos Pittipotti, de Lorenzo Mattotti e Jerry Kramsky: 'I Pittipotti contro i Robot' e 'I Pittipotti e il Marzianino'. As estórias dos imaginários seres marinhos, os Pittipotti, fazem a alegria dos mais jovens já há alguns anos no jornal infantil Corriere dei Piccoli, e chega a ser um caso muito estranho a sua não difusão em outros idiomas, dado o respeito que ambos os quadrinhistas têm em todo o mundo, a boa aceitação da série e a universalidade da trama.
 
Uma HQ histórica da Reprodukt
 
A Reprodukt, um dos melhores selos de quadrinhos autorais da Alemanha, publicou 'Die anderen Mendelssohns', de Elke Steiner, que consegue reproduzir bem, segundo o próprio Instituto Goethe, em 64 páginas, os séculos em que a família Mendelssohn dominou a vida financeira e cultural da Alemanha. O álbum custa 12 euros.
 
Fiona Avery em duas compilações
 
A minissérie 'Rising Stars: Bright', que tem roteiros de Fiona Avery e desenhos de Dan Jurgens está sendo republicada, em compilação dos 3 números, pela Top Cow, por 8 dólares (ou 18, em versão autografada pela autora). Trata-se de uma continuação autorizada da série Rising Stars, de J. Michael Straczynski,, publicada originalmente em 2003 e focada no personagem Matthew Bright. 'Já em The Amazing Spider-Man 9: Skin Deep', textos de Fiona Avery e do próprio J. Michael Straczynski são desenhados pelo brasileiro Mike Deodato Jr., e Joe Pimentel, numa reedição dos números de 515 a 518 de Amazing Spider-Man, arco em que o Homem-Aranha se confronta com um colega de classe com poderes similares aos seus. O volume está sendo vendido por 9 dólares. Provas de que a parceria de Straczynski com a escritora que ele trouxe para o mundo dos quadrinhos ainda vai render mais frutos…
 
Desenhistas pela Palestina
 
De 18 de maio a 5 junho, o Palazzo Mazzolari Mosca, na cidade praiana de Pesaro (a 30 quilômetros de Rimini), foi sede de uma nova mostra da exposição 'Kufia 100 Disegnatori per la Palestina'. A mostra não incluiu todos os quadrinhistas da mostra original, mas incluiu trabalhos de Andrea Pazienza, Guido Crepax, Igort, Jose Muñoz e Milo Manara.
 
A Balada da Bela Adormecida, em compilação
 
Os 8 números de The Ballad of Sleeping Beauty, com roteiros de Gabriel Benson e arte de Mike Hawthorne – mais conhecido por seu trabalho em Queen & Country -, saíram em compilação este mês, pela Beckett Comics, em 200 páginas coloridas, ao preço de 20 dólares. Como o nome sugere, The Ballad of Sleeping Beauty é uma adaptação do conto de Bela Adormecida para o Velho Oeste. O próprio Mike Hawthorne diz que a obra pretende atingir a um público que não é somente o habitual consumidor de comics. Inspirada em boa parte no Tenente Blueberry, a balada de Benson e Hawthorne está longe de ser uma história de conto de fadas.
 
 
Alan Moore versus 'V for Vendetta'
 
Na esteira do rompimento de Alan Moore com a DC/Vertigo, o quadrinhista foi mais explícito em seus comentários sobre a adaptação de V for Vendetta' (V de Vingança) para o cinema. Moore definiu o roteiro como imbecil e diz que há detalhes simplesmente risíveis na produção.
 
Novo filme da Disney
 
Walt Disney realizou, em 1943, um desenho de curta-metragem chamado Chicken Little, onde um franguinho é enganado por uma astuta raposa. Agora, a Disney escolheu esta estória como tema de seu primeiro filme totalmente gerado por computador e sem a parceria com a Pixar, com várias aplicações de 3D. Chicken Little deve estrear em novembro, nos EUA. Na nova versão,
Chicken Little se defronta com uma ameaça que vem do espaço e literalmente, caiu sobre sua cabeça.
 
Manual de design da Warner
 
'Draw the Looney Tunes: The Warner Bros. Character Design Manual', um manual de design em capa dura da Warner Bros em 208 páginas, está previsto para ser lançado em outubro. Lojas virtuais já estão anunciado a venda do volume por menos de 27 dólares. Para profissionais do ramo, promete ser uma boa obra de referência. O número ISBN já está definido, para sua consulta: 0811850161.
 
Festas otakus no México
 
La Mole é um festival de quadrinhos que acontece na Cidade do México, de 15 a 19 de julho, muito focado nos mangás. A grande atração, segundo o próprio site oficial, é o desenhista Martín Lopez, que faz incríveis fusões de personagens tão diferentes como Che Guevara, Hulk  Bart Simpson e Condorito. Já em Monterrey, nos dias 2 e 3 de julho, acontece o Star Fest, onde os quadrinhos não têm vez: o festival é todo dedicado a animês, cosplay e RPG.
 
O Coyote, encadernado
 
Coyote, a estória de um menino que foi protegido por um coiote até os 18 anos, de Steve Englehart e Marshall Rogers, vai ser reeditada nos EUA pela Image Comics, em 5 volumes encadernados, a partir de agosto.

Biografia de Will Eisner
 
'Will Eisner: a Spirited Life', a biografia autorizada de Will Eisner que leva o selo da Dark Horse sai em setembro. O biógrafo, Bob Andelman, passou 3 anos preparando o livro, em contato direto com Will Eisner, e realizou dezenas de entrevistas. A introdução é do escritor e também autor de quadrinhos Michael Chabon; o livro conta ainda com um texto de Neal Adams. Preço anunciado: 15 dólares. Em tempo, em 2 de junho, foram assinaldos os 65 anos da primeira HQ de The Spirit.
 
Auschwitz em quadrinhos
 
Depois de ser editado na Alemanha (Ehapa), França (Emmanuel Proust) Holanda (Toog) e Itália (Il Melangolo)' Auschwitz', do francês Pascal Croci, foi publicado na Espanha, pela Norma Editorial. trata-se de uma HQ documental, sendo o mais importante registro a partir de fatos verídicos sobre o horror do campo de concentração de Auschwitz, sendo fruto de 5 anos de pesquisas. Todas as resenhas indicam que a obra, em preto e branco, vale para além do valor documental, como um bom quadrinho autoral. Preço: 12 euros
 
Mais um filme de Pokémon
 
No dia 16 de julho, estréia no Japão 'Pocket Monster Advance Generation', o novo filme da série Pokémon. O pokémon Mew é o maior destaque da nova fita, entre os personagens. Mas a divulgação do filme tem se baseado em reforçar a trilha sonora, a cargo da dupla Puff AmiYumi, o mais novo produto de sucesso da cultura mangaká, nos EUA.
HQs NO BRASIL
 
 

Sequential Tart entrevista Fabio Moon
 
Smoke and Guns, o novo trabalho de Fabio Moon a ser publicada nos EUA – novamente pela AiT/Planet Lar – foi objeto de ume esforço dos colegas da página especialista Sequential Tart, uma das boas fontes online de referência sobre mainstream e outros quadrinhos americanos. A entrevista deu todo o espaço para que Fabio se apresentasse como roteirista, inclusive, com sua concepção do que sejam os quadrinhos e o trabalho de quadrinhista.  Fabio Moon também se mostrou muito animado com o projeto do álbum , que é sobre moças que vendem cigarros e seu mundo, com roteiros de Kirsten Baldock. Em sendo verdade o que o empolgado Fabio contou, a obra deve agradar a inúmeros públicos, pela variedade de ingredientes. O entusiasmo de Fabio Moon deve ser levado ainda mais em conta se lembrarmos que o projeto vem sendo trabalhado há um ano.
 
Baianada online
 
Já está online o www.nahorah.com.br página eletrônica que reúne boa parte do melhor do que a Bahia produz em Nona Arte: estão lá, Flávio Luiz com seu Rota 66, A Turma do Xaxado, de Antonio Cedraz, tiras de Rogerio Rios e Bruno Aziz, cartuns de Simanca, Café e Cau Gomes,  e algo que só podia sair da cabeça de Augusto Mattos e Hector Salas (acho que foi Hector quem criou e Augusto, como bom colega topou): um personagem chamado Ninguém, que também é apresentado em tiras e Alix como cronista. O site também conta com uma 'bicona' muito bem vinda, a jornalista Suely Temporal, profissional que sempre incentivou os novos fatos de valor da Boa Terra. Para completar a estréia virtual do time de baianos, o site já foi pro ar avisando: em outubro, tem Humoreba, I Salão de Humor da Escola de Belas Artes da Bahia.
 
Armand Mattelart em Salvador
 
Armand Mattelart, o chileno coautor (com Ariel Dorfman) do antológico livro 'Para Ler o Pato Donald' volta ao Brasil depois de sua participação no Fórum Social Mundial, em 2002, em Porto Alegre. Ele é o principal nome do V Encontro Latino de Economia Política da Informação, Comunicação e Cultura, que acontece de 9 a 11 de novembro, na capital baiana.
 
Tire seu Batman da gaveta
 
Ainda em Salvador, Wilton Bernardo e sua Oficina HQ continuam produzindo idéias que podem unir a arte de quadrinhistas do Brasil, e mesmo de fora. A nova mostra do site, Releitura do Batman estará  publicada no site em 14/06/2005; até o dia 8, você pode enviar o seu desenho de Batman, com seu próprio traço para o e-mail contato@oficinahq.com com nome artístico, nome completo, cidade, idade e técnica do trabalho. Mas a mostra de Batman não se limita ao espaço virtual. Wilton conseguiu apoio do EBEC, o curso de inglês que mais espaço para as artes na Boa Terra, e trabalhos em papel – em papel A3 – estão sendo recebidos até o dia 10. Então, é hora de tirar o seu Batman da gaveta.
 
Animês em Salvador
 
A Faculdade de Comunicação da UFBa foi sede do III AnimaPet, entre 1º e 3 de junho. Além de cinco palestras, foram exibidos 'Ghost in the Shell 2' 'Steamboy', e 'Star Treko: Interstella 5555'.
 
Allan Sieber, em resenha
 
'Vida de Estagiário', de Allan Sieber (publicado pela Conrad), foi resenhado por Julio Daio Borges, na página eletrônica Digestivo Cultural. Segundo Borges, nas tiras que contam a vida do pisoteado estagiário Oséias de Souza numa agência de publicidade, Allan Sieber mostra conhecer bem a realidade sobre a qual discorre. De acordo com a resenha, a inclusão de depoimentos de estagiários de todo o Brasil que se identificaram com as tiras é a grande sacada do livro.
 
Show de jornalismo de O Povo
 
O jornal fortalezense O Povo continua fazendo bem e bonito (também) em quadrinhos. Na semana coberta por este resumo, contrariando a 'lógica' de divulgar releases muitas vezes não checados, o jornal publicou uma bem apanhada resenha de 'O Grito do Povo', de Jacques Tardi, a melhor obra de bandes dessinées já publicada ou anunciada este ano, no Brasil, produziu uma matéria sobre a sua própria redação para crianças, em que os quadrinhistas e ilustradores da casa foram apresentados com muitos detalhes, ajudou a divulgar e fez um balanço do SANA, o evento dos otakus cearenses que pôs 5.000 pessoas por dia no Centro de Convenções de Fortaleza, detectou uma HQ de protesto em uma manifestação sindical e ainda selecionou para seus leitores um despacho da Folhapress sobre a apresentação, nos EUA, do documentário da STV sobre Will Eisner (nota abaixo).
 
Marisa Furtado chegou lá
 
Depois de ser exibido em festivais de quadrinhos e em TVs a cabo de 36 países, finalmente o documentário para televisão 'Will Eisner Profissão Cartunista', em que o próprio Will Eisner concedeu longas declarações sobre seu ofício e sobre a arte sequencial é exibido nos Estados Unidos. Com a ajuda de Denis Kitchen, o vídeo, produzido com apoio da Rede STV, será exibido na San Diego Comic Con (de 14 a 17 de julho), um dos mais importantes encontros de quadrinhos do calendário americano. Para quem não tenha visto, trata-se de um primor de trabalho de pesquisa, edição e abrangência.
 
Fabio Zimbres em feira argentina
 
Fabio Zimbres publicou pelo selo argentino Pequeño Editor 'Feliz', uma HQ em livro de 24 páginas pela sua coleção de nome muito simpático e promissor para os brasileiros no Prata 'Cuadriños', em 2003. A história é sobre um menino cujo gibi vai parar – voando – exatamente nas mãos do malvado do bairro. Nos dias 4 e 5 de junho, em Buenos Aires, aconteceu a Feira de desenho El Dorrego, evento em que a Nona Arte dialogou com o mundo da ilustração como um todo. A Pequeño Editor anunciou, com destaque a presença do livro na feira.
 
3º Eco-Rico
 
Até 16 de junho, a UFMA (Universidade Federal do Maranhão) abriga a 3º Eco-Rico: Mostra de Humor Ecológico do Maranhão, promovida pelo cartunista e ativista ecológico Odacham, com apoio da Sociedade Maranhense de Defesa à Natureza. O evento procura contribuir para a formação de cidadãos mais críticos frente ás questões ecológicas. Os participantes, a despeito de não concorrer a nenhum prêmio, além da satisfação pessoal, são contemplados com a publicação de um catálogo da mostra.
 
São Luís pela Casa 21
 
Depois de retratar o Rio de Janeiro para a coleção Cidades Ilustradas, da Casa 21, o francês Jano é vai ilustrar um volume dedicado à capital do Maranhão. É o terceiro título da coleção anunciado este ano, que tem em execução 'Salvador', por Marcello Quintanilha e 'Cidades do Ouro' (Ouro Preto, Congonhas, São João del Rei, Tiradentes e Diamantina), por Marcelo Lélis
 
Luke Ross desenha Jonah Hex
 
O brasileiro Luke Ross vai desenhar, a partir de roteiros de Jimmy Palmiotti e Justin Gray, uma nova série de Jonah Hex, pela DC. Vamos ver como ele se sai ao retratar um novo ambiente: o faroeste…
 
Jogo de cartas do Batman
 
Pegando carona no lançamento do filme Batman Begins', foi lançado o card game Batman vs. Joker, uma aproximação em 2 dimensões do conceito de RPG. Os jogadores podem combinar qualidades de Batman, Robin e Batgirl para enfrentar vilões que misturam características do Senhor Gelo, Coringa e Pinguim. O jogo ainda foi pensado para permitir uma ampliação com o uso de cartas do jogo 'Spider-Man vs. Doc Ock', já lançado anteriormente. Pacotes com 14 cartas adicionais também foram postos à venda.
 
Em julho, tem Animecon
 
O Animecon, evento de otakus que teve sua primeira edição em 1999, volta a acontecer nos dias 2, 3 e 4 de julho, em São Paulo. Do ponto de vista dos quadrinhos, teremos mais um Fanzinecon, oficinas e o tradicional concurso de ilustrações. A programação definitiva ainda não foi divulgada.
 
Um vídeo da Paraíba sobre HQ de José Carlos Fernandes
 
J. Audaci Júnior, autor do livro-reportagem em quadrinhos 'Riscos no Tempo' sobre os 40 anos de histórias em quadrinhos na Paraíba, está começando a exibir seu segundo vídeo de ficção. E escolheu a estória 'Todo o Sal do Mar' – do português José Carlos Fernandes – como roteiro, autorizado pelo próprio autor. Segundo o próprio Audaci, as 4 páginas da HQ contêm uma 'profundidade arrebatadora'. Com o título de 'O Gosto de Ferrugem', o vídeo começou a ser produzido em 2003, com um orçamento mínimo e com a participação de alunos e ex-alunos de comunicação social da UFPB (Universidade Federal da Paraíba), sendo ambientado em João Pessoa. Trata-se de uma história de dois jovens que se apaixonam pela mesma garota. Seria banal, mas não é. O vídeo deu inclusive um rebento: um 'making off', intitulado 'Enferrujando: nos Bastidores de O Gosto de Ferrugem'. Em Portugal, o vídeo foi exibido em 2 ocasiões, na semana passada, na cidade do Porto. Em tempo, a Devir está lançando a versão espanhola de 'A última Obra-Prima de Aaron Slobodj', este mês.
 
Tiras brasileiras no Diário da Manhã
 
O jornal Diário da Manhã, de Goiânia, mudou em maio a apresentação gráfica e o conteúdo de seu DMRevista. Entre as inovações, a que diz respeito aos quadrinhos, os goianos agora tem um encontro semanal com tiras de tiras de Angeli, Allan Sieber e Fábio Zimbres.
 
Prismarte especial
 
A revista pernambucana Prismarte, maior bastião das HQs de Pernambuco, lançou um número especial, dedicado a Star Wars. 'Prismarte Especial Guerra nas Estrelas', é  a versão em papel de uma exposição uma exposição que contou toda a história de Star Wars. Sob roteiro de Leonardo Santana, 8 desenhistas de diferentes estilos estão presentes neste número, que custa 4 reais.
 
Feira de livros e HQs
 
Em agosto, a RPS Eventos, a Câmara Brasileira do Livro e a Associação Nacional de Livrarias realizam a 2ª Feira do Livro Infantil, Juvenil & Quadrinhos de São Paulo. Em 2003, ano da primeira edição, o público chegou a 80.000 pessoas. Estão previstos, além da exposição e veda de livros, cursos, palestras e bate-papos com os jovens. E-mail: contato@rpsfeiras.com.br Telefone: (0x11) 3333-7878
 
Especial da Marvel
 
Marvels, minissérie com roteiros de Kurt Busiek e arte de Alex Ross está completando 10 anos. Para assinalar a data, a Panini 'está editando Marvels: Edição de 10º Aniversário', um especial de formato americano e 244 páginas coloridas ao preço de R$ 25,00 reais, com um direito a um poster desenhado por Alex Ross.
 
DVDs de Superman
 
Uma caixa de 3 DVDs com a primeira temporada completa de 'Superman: a Série Animada', da Warner, será lançada no Brasil em 18 de agosto. Nos EUA, a série foi ao exibida em canal aberto de TV em 1996. Nela, Lex Luthor é o principal artífice dos confrontos de Superman com alienígenas, robôs e monstros.
 
Edgar Franco lança revista com CD
 
O centauro é a fonte de inspiração de Edgar Franco em 'Elegia', seu novo trabalho publicado pela Marca de Fantasia. Desta vez, os quadrinhos poéticos de Edgar Franco vêm acompanhados de um CD, de nome 'Aborym-Elegia', com três composições do próprio Edgar. A HQ, de 28 páginas, já com o CD incluído, sai por 10 reais. Edgar também esteve no Recife, no FIHQ-PE (Festival Internacional de Humor e Quadrinhos de Pernambuco), onde autografou seu livro anterior HQtrônicas (também pela Marca de Fantasia) e  deu uma palestra sobre HQs e novos suportes de comunicação.
 
Arthur, uma Epopéia Céltica
 
Começa a ser publicado no Brasil a série do roteirista David Chauvel (49 álbuns originais na careira) e do desenhista Jérome Lereculey, Arthur, une Epopée Celtique, originalmente publicada na França pela Delcourt. Trata-se de uma visão francesa dos mitos de Artur e os Cavaleiros da Távola Redonda. A pesquisa para a confecção da série foi minuciosa, embora as fontes existentes não sejam exaustivas. Os autores preferiram reforçar a visão francesa dos mitos, e mantiveram os nomes dos personagens tais como mencionados na Europa continental. Segundo o portal especializado Auracan, trata-se da 'a melhor leitura em BD desse mito'. No Brasil, a inovação é da Ediouro, e antecede em poucos meses o lançamento na Espanha, pela Aleta.  Atenção: vários resenhistas assinalam que os autores conseguiram solucionar melhor a adaptação das lendas a partir do segundo volume. No primeiro, o autodidatismo aplicado da dupla não foi suficiente para resolver bem a questão dos diálogos e das remissões históricas, que acabam atrapalhando o roteiro e os enquadramentos.
 
SP: 1º Concurso de Quadrinhos do Vale
 
O jornal O Vale Paraibano, que noticia – e muito bem o que acontece em São José dos Campos, Taubaté,  Guaratinguetá e Litoral Paulista está realizando o 1º Concurso de Quadrinhos do Vale para descobrir novos talentos das tiras para ser publicadas no jornal. A coluna semanal sobre quadrinhos do VP comemorou 10 anos em 2004, uma marca sem concorrência, no Brasil, em jornais impressos.
 
Batman e Mulher-Gato
 
'Batman e Mulher-Gato: Rastro de Pólvora' é um arco de 2 gibis que teve o primeiro número lançado pela Panini. Em 52 páginas coloridas por 6 reais, a revista número 1 traz a primeira parte da estória escrita por Ann Nocenti e desenhada por Ethan van Sciver (que está começando a ilustrar a nova série do Lanterna Verde, nos EUA) que foi publicada em 2004 pela DC. Nela, a Mulher-Gato precisa evitar a polícia e Batman para esclarecer um crime.
 
O símbolo do Anima Mundi
 
Uma dançarina rechonchuda e muito simpática é a personagem símbolo da 13ª edição do Anima Mundi, festival de cinema de animação que terá duas etapas: de 8 a 17 de julho no Rio e de 20 a 25 de julho, em São Paulo. Beryl, a personagem, vai ilustrar todo o material visual do festival. O desenho é da animadora inglesa Joanna Quinn, que criou a personagem para seu premiado filme 'Girls Night out'.
 
Nova editora brasileira
 
Com ilustrações de Mateu Velasco e Augusto Muniz, está no ar a página eletrônica da nova editora brasileira de livros infantis, a Letrinha Feliz, que começa sua vida com a Coleção Letrinha Feliz, um pacote de 12 livros de Cristina Almeida que vem com vídeo de animações, CD, maleta-teatro e adesivos, ao preço de R$ 100,00. Esperamos que a nova editora venha a trazer boas obras da ilustração nacional. Até por que, como diz a Aeroplano Editora, que criou o selo, a proposta inclui a noção de que a educação a compreensão da língua portuguesa só acontece com muita leitura.
 
Quadrinhos em Cataguases
 
Cataguases, berço indireto do cinema brasileiro, por ser a cidade onde Humberto Mauro tomou gosto pelas coisas do mundo e pelo cinema, e onde ele tentou realizar o 1º filme brasileiro, em 1925, está sediando, de 1º a 12 de junho, o Cineport, festival de cinema de países de língua portuguesa. Entre os 6 filmes indicados ao Troféu Andorinha Criança, que distingue a produção infantil, temos 'Menino Maluquinho: o Filme' e 'Cinegibi: Turma da Mônica'.
 
Quadrinhos na TV (1)
 
Mais brasileiros têm o gostinho de conhecer Baby Blues, a série de Jerry Scott e Rick Kirkman, já publicada em jornais de Rio e São Paulo. Desde o dia 3, o SBT exibe uma versão em animação, nas madrugadas de sábado. A série, que já ganhou o prêmio de melhor tira do ano da National Cartoonists Society em 1995, é publicada por 800 jornais.
 
Quadrinhos na TV (2)
 
A maior surpresa da programação em canais fechados na semana ficou por conta da exibição de Brenda Starr, a versão em filme da HQ de Dale Messick em que uma personagem de quadrinhos decide abandonar seu criador e acaba tendo uma incursão pela selva amazônica. O filme, com Brooke Shields no papel principal, foi exibido pela rede Telecine, na sexta-feira, dia 3.
 
Quadrinhos na TV (3)
 
De 5 a 11 de junho, o Canal Nick está exibindo, em 2 ou 3 horários por dia, a série Martin Mystery, adaptação de Martin Mystere, de Alfredo Castelli.
 
Quadrinhos na TV (4)
 
Em junho, o canal Boomerang apresenta os desenhos 'Kimba, o Leão Branco', baseado em Ozamu Tezuka e 'Gasparzinho e seus Amigos' em novos dias. Kimba passa a ser transmitido de segunda a sexta às 7:00, 15:00 e 23:00. Gasparzinho vai ao ar às 8:00, 16:00 e à meia-noite.
 
Quadrinhos na TV (5)
 
Baby Looney Tunes, no Cartoon Network, está começando nova temporada. As novas aventuras de Bugs (o bebê Pernalonga) e seus amiguinhos estão sendo exibidas de segunda a sexta, às 9 da manhã.
 
Quadrinhos na TV (6)
 
'Garfield: o Filme' será exibido, pela primeira vez, na telinha do Brasil no dia 18 de junho, às 21 horas, no Telecine Premium. Novas apresentações acontecem no domingo, dia 19, às 15 horas, no Telecine Pipoca (em versão dublada) e às 17h20, no Telecine Premium.
 
DVD de Futurama
 
'Futurama: 1ª Temporada' é uma caixa de 3 DVDs que traz, em 300 minutos, 13 episódios da série de TV em que Matt Groening, o criador dos Simpsons, satiriza os filmes de ficção científica e que já virou gibi em vários países. A produção brasileira é da Foxbr. Um preço indicativo: R$ 130.
 
OhaYO! é real
 
Seguindo o exemplo do site francês Mangajima, o portal brasileiro OhaYO!, dedicado aos mangás e animês vai virar revista de papel. O primeiro número de OhaYO! Magazine será apresentado em julho, no Anime Friends, em São Paulo, e promete, entre outras coisas, mostrar 'tudo' sobre os novos mangakás brasileiros. Por tudo o que a turma do OhaYO! vem realizando, juntamente com seus associados, é de se esperar coisa de primeira qualidade.
 
400 vezes Nona Arte
 
O site e editora Nona Arte foi protagonista da notícia que mais acolhida recebeu entre os meios especializados em quadrinhos, no Brasil. A 'ousadia' de André Diniz e Antônio Eder estabeleceu um novo patamar. Agora já são 400 histórias em quadrinhos de autores brasileiros, dos mais diversos estilos disponíveis para leitura online e/ou download no Nona Arte. Esperamos que o Brasil conheça mais de pero este enorme nicho da HQ brasileira para dar à dupla fôlego para continuar pondo na rede o que se cria pelo Brasil adentro.
 
Novo livro teórico
 
'Tentação à Italiana' é o novo livro teórico sobre quadrinhos de 312 páginas, publicado pela Opera Graphica. Escrito pelo jornalista baiano Gonçalo Junior, o livro versa sobre os quadrinhos eróticos italianos, com destaque para Guido Crepax, Milo Manara e Serpieri e traz mais de 500 ilustrações.
 
Muppets de Batman
 
Dentro da programação do 10º Festival Brasileiro de Cinema Universitário, que aconteceu na UFF (Universidade Federal Fluminense), até o dia 5, tivemos a apresentação, nos dias 4 e 5 de Bätmän Lebt, um filme colorido de animação alemão, cujo título pode ser traduzido por Batman Vive. Realizado por Stefan Schomerus, da Academia de Cinema de Baden, a animação utiliza muppets (bonecos articulados por controle remoto) de Batman e música. O filme  mostra o incontido desejo de um menino em ter um gibi. Para manter contato com a produção do filme: eva.steegmayer@filmakademie.de .
 
QUADRINHOS, EDUCAÇÃO & CIDADANIA
 
Natal: quadrinhos na Bienal
 
A Bienal Nacional do Livro de Natal acontece na capital do Rio Grande do Norte de 3 a 12 de junho, e o grande enfoque este ano é a literatura infantil. Um grande esforço está sendo realizado para que as escolas participem em caravanas. O Espaço Criança, principal ambiente de convívio infantil da bienal, tem 7 atividades, sendo que 4 delas dizem respeito aos quadrinhos: feira de troca de gibis, oficinas de quadrinhos, oficinas de desenhos e exposição de gibis antigos.
 
Do salão do humor, um clube do cinema infantil
 
Um salão de humor, mais do que premiar artistas, vale pela difusão cultural. Esta é uma lição bem aprendida e executada em Lajeado (RS), pelo UNIVATES, em Além do Salãozinho do Humor, que deu espaço aos mais jovens iniciantes na arte do desenho e que chegou à sua segunda edição em 2004, o centro universitário agora nos conta um desdobramento de seu mais importante evento na Nona Arte, o Salão Latino-Americano de Humor. De 6 a 13 de maio, uma programação especial do Clube do Cinema Infantil, do UNIVATES, exibiu 10 sessões dos filmes 'A Nova Onda do Imperador' e 'Monstros S.A.', de forma gratuita. O Clube do Cinema Infantil foi inaugurado durante o 3º Salão Latino-americano de Humor UNIVATES. Naquela ocasião, 500 crianças, principalmente de das escolas públicas, assistiram aos filmes. Nesta edição, mais de 1.700 alunos foram à UNIVATES para participar da iniciativa. Quem também 'está' no UNIVATES este mês é o Vagão do Humor: até o dia 8, a exposição de 43 artistas intitulada 'Cartunistas pelo Trabalho', realizada pelo maquinista do vagão, Wagner Passos está aberta ao público no Espaço Arte.
 
Concurso da Cáritas
 
A Cáritas Brasileira está com inscrições abertas para o 2º Concurso 'O Direito de Participar- Escola e Comunidade: Parceiras na Cidadania'. O concurso procura envolver as escolas no processo de formação do adolescente como participante ativo nos espaços políticos. O objeto do concurso é o desenvolvimento de um projeto de ação na comunidade, registrado em forma de história em quadrinhos. Podem se inscrever escolas do ensino fundamental e médio do Pará e de mais 12 estados. Mais informações com a Cáritas Belém, pelo telefone: [0x91] 32461306.
 
Oficinas no Pará
 
O Núcleo de Oficinas da Fundação Curro Velho, ligada ao governo do Pará, está promovendo cursos e oficinas que vão ocorrer de 13 de junho a 8 de julho. Entre as inúmeras oficinas para jovens de 18 a 24 anos, uma é dedicada ao desenho em quadrinhos.
 
Paraná Fazendo Arte
 
O programa 'Paraná Fazendo Arte' chegou à sua 6ª edição, em maio. De acordo com as informações oficiais do governo do estado, dentre as atividades desenvolvidas em 24 cidades do Extremo Oeste do estado (região que compreende Foz do Iguaçu, Cascavel e Toledo), estão sendo realizadas oficinas de quadrinhos. Quem sabe, prenúncio de futuros valores pés-vermelhos como Roque Sponholz e Ivo Akio…
 
Quadreca 14
 
Com 1.500 exemplares, acaba de chegar as bancas de Rio e São Paulo o 14º número da Quadreca, a revista criada na USP em 1977 e que é fruto a disciplina de 'editoração de história em quadrinhos', ministrada na ECA (Escola de Comunicações e Artes daquela universidade), através da Editora-Laboratório Com-Arte. A bem da verdade, a editoração é mesmo o grande ponto da revista, que custa 5 reais. Do conteúdo, destacamos  a sequência de planos de Rogério Hanata na primeira HQ e duas estória curtas de Edgar Franco e Yoko que são dois bons exemplos de obra aberta em quadrinhos. Um lançamento acontece no dia 9, a partir de 18h30, na Gibiteca Henfil, em São Paulo.
 
Pateta ensina a dirigir
 
Em Caraguatatuba (SP), dois desenhos animados de 8 minutos dos estúdios Disney – produzidos em 1936 e 1950 – do Pateta e do Grilo Falante estão sendo utilizados pela Divisão de Trânsito da prefeitura de Caraguatatuba em campanha para reduzir o número de acidentes envolvendo ciclistas.

A Semana dos Quadrinhos 130

INTERNACIONAL

Alan Moore volta em junho
 
Albion, nome da série em 6 gibis que marca a volta do The Claw, grupo inglês de super-heróis que estava fora das prateleiras há quase 30 anos, já tem data para ocorrer. As aventuras do quarteto The Claw, formado por Steel Claw, Robot Archie, Cursitor Doom e Dolmann, que protagonizam uma série em que superpoderes de cyborgs se fundem com boas doses de bizarrias voltam a ser publicadas agora em junho, pela WildStorm em cooperação com a inglesa IPC, e deve ter distribuição mundial, sendo que o primeiro número deve chegar às gibiterias no dia 29. Além de Alan Moore, os roteiros levam a assinatura de sua filha, Leah Moore e de John Reppion (Wild Girl). A arte fica por conta de Shane Oakley e George Freeman. A série foi lançada no dia 12, na Comic Expo, em Bristol. Esperamos que a notícia de que Alan Moore rompeu com a produção do filme 'V for Vendetta' e com a DC Comics, largamente divulgada esta semana, não frustre a espera pela série.
 
Yakari na TV
 
Depois de ser traduzido em 17 idiomas (em português, pela Verbo), Yakari, o indiozinho sioux criado pelo suíço Derib (pseudônimo de Claude de Ribaupierre) e que veio a ter roteiros de Job volta à televisão, numa série que já tem 52 episódios de 12 minutos programados. A France 3 informa que a transposição para as telinhas será fiel aos roteiros dos quadrinhos. Esperamos que sim, pois Yakari, capaz de dialogar (além de ter o dom de ouvir) com os animais é uma das séries de bandes dessinées que mais tem a acrescentar a jovens de todas as idades, não só pelo grafismo leve e pessoal mas também pelo humanismo da série. Em tempo: o 31º álbum – Yakari et les Appaloosas – deve ser publicado em setembro.
 
Novas séries de Batman
 
Batman volta a encontrar seu inimigo Ra's al Ghul numa minissérie em dois gibis a ser lançada em junho: 'Year One: Batman/Ra's Al Ghul', com roteiro de Devin Grayson e arte de Paul Gulacy & Jimmy Palmiotti. O tema da morte numa sociedade em que não se morre é o pano de fundo da mini. A série em 12 gibis Batman: Journey into Knight, começará a ser publicada em agosto. Com roteiros de Andrew Helfer e arte de Tan Eng Huat (de Doom Patrol). Nela, Bruce Wayne será infectado com um vírus letal.
 
El Eternauta, rumo ao cinema
 
Francisco Solano López, em uma palestra ministrada em Mar del Plata sobre German Oesterheld, seu colega na criação da imortal série argentina de ficção científica, deu, pela primeira vez, indicações claras de que o personagem será adaptado para o cinema.
 
George Grosz em HQ
 
O expressionismo do pintor e desenhista George Grosz (1893 / 1959 ), um dos artistas plásticos que mais influenciou os quadrinhos, volta a ser tema de uma HQ. Seu compatriota, Ulf K, que acaba de estrear na Espanha, será o responsável pelo tento. Vamos aguardar com interesse.
 
Morreu Henry Corden
 
Henry Corden, que passou a ser 'a voz' de Fred Flintstone em 1977 e que criou o mundialmente conhecido bordão Yabadabadu,  morreu aos 85 anos, vítima de enfisema pulmonar.
 
Guadalajara: 1 mês de quadrinhos na rua
 
Sob o nome de Paseo del Cómic, a turma que faz acontecer a Nona Arte em Guadalajara criou uma idéia altamente 'copiável': durante um mês, os quadrinhos estão ocupando uma calçada movimentada da cidade, com oficinas, exposição, venda e troca de quadrinhos. Um dos apoiadores e participantes do evento é o cartunista Trino, conhecido em todo o México, que empresta seu nome para que o evento tenha mais visibilidade pela imprensa de todo o país.
 
Pif, em 550 páginas
 
Pif Gadget, a revista de quadrinhos com que o PCF tenta ampliar a sua influência junto à juventude, desde 1944 (com outros nomes, em especial, 'Vaillant'), é o objeto do livro 'Le Meilleur de Pif', publicado pela Vents d'Ouest em capa dura, com 550 páginas. O livro conta a história do antigo semanário que deixou de existir em 1993 e voltou a ser publicado mensalmente como encarte do jornal L'Humanité em 2004. É pena que a presença de Pif no l'Humano não tenha feito melhorar os artigos sobre bandes dessinées do matutino do PCF, que continuam sofríveis e confusos.

HQs NO BRASIL

Quadrinhos nos outdoors do Rio
 
O governo do estado do Rio começou a veicular uma campanha para incentivar o pagamento de mais uma taxa, a de incêndio. Para convencer os contribuintes, só mesmo super-heróis. Assim, bombeiros ilustrados em quadrinhos por Vítor Barbosa acabaram sendo a principal peça de convencimento criada pela Agência 3, que mostra bombeiros como heróis de HQs. Com o mote 'Ajude os super-heróis do mundo real a salvar vidas. Pague a taxa de incêndio', a campanha,  foi parar em outdoors de todo o estado e nas páginas dos jornais de maior circulação do município do Rio.
 
Brésil en Bulles, em Lille
 
Brésil en Bulles (O Brasil em Balões), é o nome da exposição que coloca o Brasil no centro da Fête de La BD, na cidade de Lille, no sul da França. De 1º a 30 de junho, estarão expostos originais de autores de vários estilos e técnicas: Samuel Casal, Eloar Guazzelli, Marcelo Lelis, Cesar Lobo, Lourenço Mutarelli, Jô Oliveira, Osvaldo Pavanelli e Marcello Quintanilha, na Biblioteca Municipal. Telefone para contato: 03-28553093.
 
Autógrafos de Myrkos
 
Miguel Imbiriba esteve neste sábado, dia 28, autografando exemplares do álbum Myrkos (editado pela Dargaud), na Livraria Le Mer le Moqueur, em Paris.

José Roosevelt no 3º Des Bulles dans la Ville
 
A cidade de Antony (na região metropolitana de Paris) realiza, pela 3ª vez, o festival Des Bulles dans la Ville, nestes dias 27 e 28 de maio. Além de uma exposição (que segue até 26 de junho), concerto musical  e projeção de filmes, como em todo bom festival francês, não poderiam faltar os encontros com autores. Além de nomes que já são bastante conhecidos do público bedeïste, como Baudouin, Morvan e Munuera, o nosso José Roosevelt se faz presente autografando os álbuns de Juanalberto.
 
Leo na Itália
 
A Eura publicou este mês o 4º volume do ciclo de Betelgeuse, com o título local de Le Caverne, por 7,50 euros. O Neorama dos Quadrinhos continua esperando a chance de noticiar um álbum brasileiro de Leo.
 
HQ just-in-time nos EUA
 
Um outro aspecto interessante do álbum 'Zombingo/(In)Version', publicado por 4 brasileiros nos EUA: eles estão usando o sistema de impressão sob demanda da ComiXpress, sediada em New Jersey. Segundo Hector Lima, com 15 dólares é possível colocar um gibi à venda através do  site da ComiXpress. Com algum braço a mais e qualidade (como foi o caso da Zombingo), é possível furar a bolha da invisibilidade.
 
Trilha sonora de Batman Begins
 
O CD da trilha sonora do filme trilha sonora de Batman Begins, com 12 faixas compostas por Hans Zimmer e James Newton Howard, deve estar nas lojas brasileiras a partir de 9 de junho.
 
Quase 7
 
Lá de Vila Velha, Fábio Araújo Turbay (Fat) avisou que já saiu o número 7 da revista capixaba de quadrinhos, a Quase. Com tiragem de 2000 exemplares, a revista tem 44 páginas e preço de apenas 3 reais, com HQs do próprio Fat e de Juliano Enrico, Gabriel Labanca, Daniel Sarcinelli e Keka. Com um detalhe muito bem-humorado. A Quase é a única revista que assume que é fruto de uma 'panelinha'. No novo número, é apresentada a Paneliga de Artistas Capixabas Paladinos.
 
Carlos Zéfiro em especial de O Povo
 
Os jornais de Fortaleza continuam mostrando que oferecem mais e melhor aos seus leitores, nas artes em geral, e nos quadrinhos, em particular. Depois do Diário do Nordeste ter publicado o melhor obituário sobre Will Eisner no Brasil, O Povo publicou nada menos do que 6 artigos sobre a reedição dos 'Catecismos' de Carlos Zéfiro por Adda di Guimarães, da banca A Cena Muda, do Rio. Na série de matérias, para além do registro muito bem feito sobre a iniciativa, O Povo abordou com detalhes o debate 'Alcides Caminha não é Carlos Zéfiro', mostrou o trabalho de Gil Santos Caminha para manter acesa a memória do pai e resgatou a notícia de Juca Kfouri que teria revelado a identidade secreta de Carlos Zéfiro.
 
DVD de 'Meninos de Deus' chega ao Brasil
 
Lançado em 2002 nos EUA, 'The Dangerous Lives of Altar Boys', com o título de 'Meninos de Deus', chegou à sua versão em DVD, no Brasil, depois da exibição no circuito comercial, em 2004. A história, autobiográfica, se passa na cidade de Savannah, nos anos 1970, e um dos personagens centrais, Francis Doyle, tenta fugir da rígida rotina da escola católica em que estuda se dedicando a desenhar gibis. A relação ~com as HQs vai mais além: tanto nos EUA como no Brasil, o cartaz é baseado em uma estrutura de histórias em quadrinhos e tem cenas animadas por Todd McFarlane, o criador de Spawn.
 
Edição Quadrinhos 2
 
Nem bem foi lançada a revista Edição Quadrinhos #01, e seu realizador, Arthur Filho, já anuncia o que vem no segundo número: capa de Júlio Shimamoto e HQs de Edgar Franco, Márcio Sennes, Marcelo Marat e do próprio Arthur. A edição, que será publicada em breve, deverá também estar disponível no site da Nona Arte.
 
Festa otaku no Rio
 
Nos dias 9 e 10 de julho, acontece o Anime Family, no Rio de Janeiro, promovido pela Yamato. A principal atividade da arte do desenho será uma palestra sobre os lançamentos da ZN Editora: 4 revistas com mangás de César Gois, David Denis Lobão (mais conhecido pelo pseudônimo: Fly), Diogo Saito, Petra Leão e Walmir Archanjo.
 
Os Incríveis 2
 
A Abril publicou a revista Os Incríveis 2, com histórias em quadrinhos e passatempos, além de 5 imãs como brinde, ao preço de R$ 6,00
 
Jogos da Grow
 
A Grow lançou dois jogos baseados em personagens da Disney: Roba Monte & Cia Princesas, caixa de 6 jogos de cartas baseado nas Princesas Disney e Roba Monte & Cia Disney, com outros 6 jogos de cartas com a turma do Mickey. Ambos são para crianças na faixa de 4 anos.
 
Brasil na Comiclopedia
 
Mais 2 brasileiros tiveram suas biografias publicadas na Comiclopedia, a mais importante fonte de referência online sobre o assunto, em todo o mundo: Roger Cruz, desenhista de séries como X-Men, Capitão América e a mais recente, Araña, Heart of The Spider, e Ruy Jobim Neto, autor das tiras do cão Jarbas e de livros infantis.
 
Star Wars Mangá
 
A JBC voltou a colocar no mercado brasileiro Star Wars Mangá, versão de uma  coleção lançada em 1997, no Japão, por um time de artistas que têm – entre outros – o bom  Kia Asamiya. Cada revista da coleção tem, em média, 90 páginas e os mangás estão publicados seguindo a leitura ocidental. O primeiro dos quatro números já se encontra à venda em todo o Brasil.

QUADRINHOS, EDUCAÇÃO & CIDADANIA

Quadrinhos e dislexia
O Neorama dos Quadrinhos está preparando um material de fundo sobre a oportunidade do uso dos quadrinhos como apoio no tratamento de crianças disléxicas.
 
Software para criar quadrinhos em Braille
 
O GIES, um grupo de pesquisas da Faculdade de Informática da PUC RS (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul) desenvolve programas que utilizam a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais). Coordenado pela professora Márcia Campos, o grupo já produziu, entre outras belas contribuições, o Signhq, ferramenta que permite criar histórias em quadrinhos em Libras.
 
O grupo pretende disponibilizar – gratuitamente – as ferramentas e os manuais para download a partir do segundo semestre, através da página eletrônica http://gies.inf.pucrs.br. Para manter contato: marciabc@inf.pucrs.br

Cebolinha e Mônica em Braille
 
Numa nota publicada pelo jornal O Povo, de Fortaleza, está a melhor descrição do alcance da nova iniciativa de nosso mais bem-sucedido quadrinhista: 'Regina Fátima de Oliveira é editora dos livros de Mauricio de Sousa na Fundação Dorina Nowill. Ela diz que a 'maior emoção é reparar nas crianças aprendendo a ler e a reconhecer cada integrante do grupo por meio do alto relevo'. Portanto, se você pode passar adiante esta boa nota, não esqueça: Cada número das revistas Mônica e Cebolinha em Braille custa somente 15 reais. E pode abrir luzes para muitas crianças.
 
Em Angoulême, até a diocese promove concurso de quadrinhos
 
Angoulême, cidade que sedia o festival francês da Nona Arte de maior repercussão no mundo, acaba gerando várias manifestações ao longo do ano em torno dos quadrinhos. Agora, nos chega a notícia de que a diocese católica local está promovendo um concurso de quadrinhos para jovens de 18 a 28 anos com o nome 'jeunes espoirs de la BD chrétienne' (jovens esperanças da HQ cristã). O tema é livre, e o e-mail para contato é berengere.de.charnace@edifa.com
 
A Chrétiens Médias 16, entidade que cuida das iniciativas, garante que as melhores estórias serão expostas no festival d'Angoulême em 2006
 
Votuporanga: HQs auxiliam o Projeto Água
 
Os educadores da EE Esmeralda Sanches da Rocha, na cidade paulista de Votuporanga, souberam utilizar bem o interesse do alunado por histórias em quadrinhos, e incentivaram seus alunos a criar HQs (além de outras atividades) dentro do Projeto Água, que integra a educação ambiental aos conteúdos programáticos de todas as disciplinas.
 
Quadrinhos contra a gravidez indesejada
 
A Associação dos Museólogos da Venezuela (AMUSVE) reconheceu o mérito de uma exposição que já está aberta ao público há 6 meses no Museu de Ciências da capital venezuelana, outorgando uma menção de honra a um trabalho que mostra muito bem um dos usos possíveis dos quadrinhos. Por meio de uma exposição, são mostradas as consequências físicas e sociais da gravidez entre adolescentes. A mostra também aborda métodos contraceptivos e doenças sexualmente transmissíveis, na qual os quadrinhos repetem quase o método de nosso Paulo Freire: as estórias são baseadas em situações da vida real dos jovens.
 
A história do Val d'Isère em BD
 
O Val d'Isère, bela região mais comumente associada ao esqui, na França, tem sua história contada em HQs. Realizada em 5 volumes pelo quadrinhista Gilbert Bouchard, 'Le Patrimoine de l'Isère en BD' foi concluída em 2004 e mostra as riquezas humanas e culturais da região desde a pré-história. Para além das estantes e da memória dos habitantes da região, a coleção foi objeto de uma exposição, este mês, no Musée Ancien Evêché, sediado na principal cidade da região, Grenbole. A organização da mostra teve a sensibilidade de mesclar elementos da coleção de quadrinhos com a própria ambientação do museu, que é, como seu nome diz, a antiga casa dos bispos da cidade. O momento mais importante da mostra se deu em março, durante a Alpexpo, quando o evento 'Le 5 Jours de la BD' levou à mostra nomes consagrados da Nona Arte francesa, em especial, Giroud. Para terminar o relato sobre os cuidados com a mostra, o museu realizou visitas guiadas para grupos em que era possível escolher o enfoque a ser dado. Infelizmente, a mostra se encerrou este mês.
 
Friedrich Schiller em Quadrinhos
 
Entre as comemorações pelos 200 anos da morte do poeta e dramaturgo Friedrich Schiller (assinaladas no dia 9 deste mês), a Nona Arte marcou presença com um álbum do quadrinhista Horus publicado pela Ehapa (sinônimo de quadrinhos bem tratados), com apoio da Sociedade Alemã Schiller: 'Schiller! Eine Comic-Novelle'. lembrando que o próprio Schiller era, à sua maneira, um apreciador da arte do desenho narrativo, previsto em algumas de suas correspondências. Segundo a resenha do Stuttgarter Zeitung, a obra não só consegue atingir o intento da Sociedade Schiller, ou seja recolocar a criação literária única de Schiller como objeto de interesse da juventude alemã como seria aplaudida pelo próprio homenageado, por conseguir utilizar bem a liberdade criadora que os quadrinhos permitem.
 
UNIVALE: extensão com quadrinhos
 
A UNIVALE: Universidade Vale do Rio Doce, em Governador Valadares (Minas Gerais) está oferecendo um curso de extensão na área de artes plásticas que inclui um módulo de 32 horas a cargo do professor João Marcos Parreira Mendonça. O curso total se estende de agosto a fevereiro, e a mensalidade sai por 60 reais. O público alvo, além dos artistas plásticos, são os próprios alunos, professores e funcionários da universidade.

A Semana dos Quadrinhos 129

Hot site de Star Wars
 
Em meio a uma quase incontrolável enxurrada de notícias e eventos sobre o filme Star Wars, Episódio 3, anotamos uma inteligente sacada da Dark Horse, editora responsável pelo título Star Wars em gibis e especiais, nos EUA. Aproveitando a moda mundial de Star wars, foi lançado um hotsite com animação do filme, 32 papéis de parede apresentação de 9 brinquedos baseados no filme, apresentados em 3D. A adaptação oficial do filme em quadrinhos foi lançada na quinta-feira, nos EUA, junto com uma edição da revista MAD, que satiriza o novo filme.
 
115 anos da 1ª HQ européia
 
Em 17 de maio de 1890, foi publicada pela primeira vez uma revista semanal com histórias desenhadas na Europa, por iniciativa de lorde Alfred Harmsworth, fundador de dois jornais que até hoje circulam na Grã-Bretanha: o Daily Mail e o Daily Mirror, e diretor proprietário de um dos melhores jornais conservadores da história do jornalismo mundial, o The Times. A Comic Cuts, ao preço quase simbólico de meio penny, logo encantou os ingleses e atingiu uma tiragem de 300.000 exemplares.
 
Alfred Harmsworth faz parte de uma época em que os donos de grandes jornais se guiavam pela sua concepção de mundo. Assim, Comic Cuts nasceu, na verdade, como fruto de uma cruzada do barão da imprensa contra os chamados "penny dreadfuls", literatura que, em sua opinião, incitava os jovens à violência. Para sorte dele e da Nona Arte, a Comic Cuts, e outra publicação lançada logo após – a Illustrated Chips – lhe trouxeram rios de dinheiro, incentivando outros jornais e homens de visão a criar mais quadrinhos.
 
No total, Comic Cuts teve nada menos que 3006 edições, uma cifra inimaginável em termos de Brasil. Assim, os ingleses chegaram 7 anos antes dos norte-americanos virem a conhecer os quadrinhos, pois a 1ª HQ americana, The Yellow Kid, seria lançada somente em 1897.
 
1.000.000 ítens em Detroit
 
A Motor City Comic Convention (ou Motor City Comic Con), em Detroit, nos dias 13, 14 e 15 colocou à mostra (e à venda) 1.000.000 gibis e outros ítens relacionados a quadrinhos, além de ter a presença de 200 quadrinhistas, com destaque para Steve Englehart e Mark Texeira.
 
200 páginas de Winsor McCay
 
A Checker Book Publishing Group, responsável atualmente por séries como Dick Tracy e Flash Gordon nos EUA, acaba de publicar o 5º volume de Winsor McCay: Early Works. Trata-se de um esforço editorial que dá às novas gerações a possibilidade de conhecer, para além da antológica criação de Little Nemo, toda a capacidade criadora de Winsor McCay, entre os anos de 1900 e 1934, época em que os quadrinhistas estavam criando um arte a partir do zero, e para a qual McCay foi fundamental. O livro, de 200 páginas em preto e branco, sai por 18 dólares.
 
O novo Lanterna Verde
 
A DC anuncia chegada de Green Lantern #1 para o dia 25 de junho, com roteiro de Geoff Johns e desenhos de Carlos Pacheco e Jesus Merino. Como atração extra, uma edição do gibi terá uma capa especial desenhada por Alex Ross. Em preparação à nova série, a DC está lançando Green Lantern Secret Files 2005, um gibi de 5 dólares com roteiros de Johns e artes de vários ilustradores.
 
Will Eisner na Time
 
Andrew Arnold, o ótimo colunista de quadrinhos da revista Time, resenhou The Plot: The Secret Story of the Protocols of the Elders of Zion (The Plot, a História Secreta dos Protocolos dos Sábios do Sião), de Will Eisner, a última obra de Eisner, que conta como uma mentira criada em 1905 pelo tzar Nicolau II foi usada como fator de perseguição aos judeus de todo mundo. A resenha destaca o crescente engajamaneto de Will Eisner em seus últimos anos de vida. Mas realça que tanto na arte como no roteiro, a preocupação didática acaba sendo um pouco excessiva. Andrew Arnold conclui dizendo que o grande mérito de Eisner nesta e em outras obras é exatamente mostrar o quanto a arte sequencial pode ir além do simples entretenimento. A obra, de 148 páginas, lançada pela W.W. Norton, tem preço de 20 dólares. A resenha acabou coincidindo com o lançamento, no Brasil, de 'Fagin, O Judeu', a penúltima obra de Eisner, pela Companhia das Letras.
 
Bolívia: 3º Encuentro Internacional de las Historietas
 
Na segunda, dia 16, La Paz sediou a abertura de um encontro realmente internacional de quadrinhos. Entre os desenhistas, o francês Loustal, dono de um luminosíssimo traço, o inclassificável argentino Carlos Nine e o mexicano Clemente. O roteirista Carlos Giménez representou muito bem a vanguarda espanhola. O Grupo Ergocomics acabou sendo a maior representação sul-americana, levando à capital boliviana a maior força coletiva do Chile. É uma pena que a própria imprensa boliviana tenha dado destaque ao evento somente quando da abertura do mesmo. As informações anteriores à instalação de um encontro tão importante foram quase nulas, o que contribuiu para que poucos sul-americanos ficassem sabendo a tempo do evento.
 
MoCCA Art Festival
 
O MoCCA (Museum of Comic and Cartoon Art), principal centro de difusão dos quadrinhos como arte em Nova York, realiza o MoCCA Art Festival, nos dias 11 e 12 de junho.
 
Uma nova lista de participantes do evento foi disponibilizada. Entre as presenças confirmadas, teremos artistas de variadíssimas tendências: Jessica Abel, Neal Adams, Kyle Baker, Dan Clowes, Sophie Crumb, Tania del Rio, Kaz, Denis Kitchen Frank Miller, Gary Panter e Jeff Smith.  Os ingressos para o vento custam 12 dólares, para os dois dias.
 
1º Tintin Festival
 
A municipalidade de Bruxelas e a Fundação Hergé realizam, de 20 a 23 de julho, o primeiro  'Tintin Festival', dentro das comemorações de 175 anos de independência da Bélgica. O festival, que inclui 12 atividades diferentes, se dirige às famílias e aos tintinófilos. Já em Genebra, a companhia Am Stram Gram le Théâtre realiza uma nova montagem teatral de 'Les Bijoux de la Castafiore', a história com contornos de opereta de Tintin e seus amigos, até o dia 27. Vírgula: com apoio do governo local, entre outros.
 
O 1º volume do 'melhor do Quarteto Fantástico'
 
A Marvel lançou 'The Best of the Fantastic Four 1', um volume de 360 páginas com capa dura que inclui uma reprodução do 1º gibi do Quarteto Fantástico e mais estórias com roteiros de
Stan Lee, Archie Goodwin, Roy Thomas, Mark Waid, Roberto Aguirre-Sacasa e desenhos de Jack Kirby, John Buscema, George Pérez, Stuart Immonen e Mike Wieringo. O novo volume obrigatório para apreciadores do quarteto está saindo por 27 dólares.
 
Por falar no canadense Stuart Immonen, os italianos foram brindados com uma entrevista realizada pelos colegas de Comics Code, em que Immonen comentou seus trabalhos correntes em  Ultimate X-Men, com Brian K. Vaughan e Sebastian X, o surfista da Les Humanoïdes Associés que vai sair nos EUA, em parceria com Michelangelo la Neve. Como dicas de 3 autores que não se deve deixar de conhecer, Immonen indicou Jaime Hernandez, Carl Barks e Katsuhiro Otomo.
 
Peanuts pela Planeta
 
A Planeta DeAgostini anunciou, entre os títulos de sua série Biblioteca Grandes del Cómic, um volume de 368 páginas de Charlie Brown e seus amigos. Os espanhóis terão direito a ler a obra com as criações de Charles M. Schultz por um preço condizente com o bolso europeu: 15 euros.
 
Motoqueiro e Quarteto no cinema
 
A Fox disponibilizou, por meio da Internet, o trailer final do 1º filme do Quarteto Fantástico, que terá atores de carne e osso, com destaque para Jessica Alba, sob a direção de Tim Story. A estréia nas telonas está marcada para 8 de julho. O filme do Motoqueiro Fantasma, por sua vez, ganhou seu site oficial, colocado 'no ar' pela Sony Pictures.
 
Grã-Bretanha: livros pelos 25 anos da Viz
 
A Viz, antológica revista inglesa lançada num pub de Newcastle ao preço de 20 pennies e que chegou a vender 1.000.000 exemplares, completou 25 anos de seu primeiro número em 2004. Para contar este jubileu, foram editados dois livros 'Rude Kids: The Unfeasible Story of Viz', de 288 páginas, escrito por Chris Donald  pela HarperCollins, e '25 Years of Viz', de autoria de William Cook. Números impressionantes, se pensarmos que se tratam de quadrinhos de forte teor iconoclasta. Atualmente, cada exemplar da Viz ainda vende 250.000 exemplares.
 
Valparaíso: 4 revistas, este mês
 
Valparaíso está virando a capital chilena dos quadrinhos: 4 revistas estão sendo lançadas, este mês, com apoio da local livraria Ivens. E, pelo que pudemos ler, todas com temática muito original.  
 
Um Bonvi infantil
 
Bonvi (pseudônimo de Franco Bonvicini) ficou mundialmente reconhecido por sua obra mais importante – a hilária série Sturmtruppen – que os brasileiros conheceram através da revista Eureka e os portugueses por álbuns da Dom Quixote. Agora, um escritor, Enrico Brizzi, resolveu criar uma forma nova de contar quadrinhos. Em 'Apriti Sesamo: la Vera Storia di Alì Babà e i Quaranta Ladroni' (Abre-te Sésamo: a Verdadeira Estória de Ali Babá e os Quarenta Ladrões) ele escreveu textos para as pranchas de Bonvi realizadas em 1994 (poucos meses antes da morte do quadrinhista), mas que – na prática – eram inéditas. Apriti Sesamo foi, na verdade, a única obra de Bonvi dedicada às crianças. O livro foi lançado no dia 12, no Salão do Livro de Turim.
 
Beja: o festival segue em fanzine
 
O I Festival Internacional de BD de Beja (de 9 a 28 de abril) colocou a cidade portuguesa em uma merecida evidência na Europa. Agora, Pedro Cleto, do Jornal de Notícias (do Porto), com seu habitual estilo, registra 'a referência a um trabalho continuado na área da BD'. O fanzine 'Venham +5', que é a continuidade de um trabalho de 10 anos do Toupeira, atelier de BD sediado na cidade. Uma lição a ter em conta, sem dúvida: melhor que um festival é um festival que tem referência ao longo do ano.
 
BD Jazz
 
Por falar em Diário de Notícias, o matutino 'tripeiro' começa a publicar 12 números da série BD Jazz, publicada originalmente pela editora francesa Nocturne. Cada número traz 2 CDs e uma HQ biográfica de 16 páginas com um episódio da vida do músico. Entre os músicos contemplados, temos Miles Davis, Stan Getz e Frank Sinatra. Na França, a série já chegou a 33 números.
 
BD Jornal 2
 
Já está nas ruas de Lisboa o segundo exemplar do BD Jornal, a revista com que J. Machado Dias procura dar espaço aos quadrinhos e à informação associada à formação de público.
 
Além da principal matéria, dedicada ao 6º Salão Lisboa de Banda Desenhada e Ilustração, as outras matérias de (in)formação deste número são sobre Hellblazer, Guido Buzelli (que terá uma mostra em Portugal em junho e julho), I Festival Internacional de BD de Beja, 25 anos de Disney em Portugal, e resenhas de João Miguel Lameira, Pedro Cleto e do próprio J. Machado Dias.
 
Olympus, de Geoff Johns e Kris Grimminger
 
Foi lançado, na quarta-feira, o primeiro número de Olympus, ainda fruto da parceria Les Humanoïdes Associés, com roteiros de Geoff Johns e Kris Grimminger e desenhos de Butch Guice, nos EUA, com 112 páginas. Trata-se de um pastiche em que se misturam figuras e ícones da mitologia como a Caixa de Pandora, o Minotauro, a Esfinge e até as Hárpias. Dificilmente, vai agradar o público que tem na Humanoïdes a sua referência, mas pode acabar tendo uma boa saída de vendagem.
 
Uma vitória do CBLDF
 
O Comic Book Legal Defense Fund, entidade que cuida de defender os quadrinhos de constantes ataques de censura e outros males afins, nos EUA, ganhou na justiça uma contenda contra uma proposta de contornos absurdos. Foi vetada uma lei aprovada na Carolina do Sul que queria proibir a veiculação online de que qualquer imagem, vídeo, ou outro tipo de arquivo digital sobre quadrinhos. Pode parecer, pelo enunciado, uma forma de defesa da criação intelectual. Mas, tal como foi publicada, a lei significava, na prática, a morte do conceito consagrado de direito de arena. A lei previa prisão de 5 anos e multa de 5.000 dólares a, por exemplo, um dono de uma loja virtual que publicasse online a capa de um gibi para divulgação. A base da lei vetada era, acreditem, uma forma de tentar evitar que quadrinhos pornográficos chegassem por meio da Internet às crianças. Ou seja, ao invés de coibir o errado, punam-se todos…
 
'Enciclopédia dos Prenomes' em quadrinhos
 
A Vents d'Ouest lançou uma simpática série, na França. A Encyclopédie des Prénoms en Bandes Dessinées procura aproximar a curiosidade geral pela origem e trajetória dos nomes próprios, numa coleção de 10 volumes, todos muito bem humorados. Os desenhos são de Gege e os roteiros de Belom, cuja principal obra é Sylvain et Sylvette (pela Lombard), série infanto juvenil que já tem 49 álbuns e que versa sobre a relação feliz de duas irmãs com os animais e com a ecologia.   
 
DVD de Conan no cinema?
 
AWN, a melhor referência sobre a arte e a indústria da animação nos EUA, informa que o DVD de Conan com aplicações de tecnologia 3D, já anunciado em nosso resumo semanal, tem fortes possibilidades de ganhar uma versão para o cinema, em 2006.
 
Kafka em quadrinhos
 
Raúl Ponce, excelente quadrinhista argentino que já cometeu belas 'ousadias' como por os dois maiores nomes do realismo mágico da literatura latino-americana – Miguel Angel Asturias e Gabriel García Márquez, além de Alejo Carpentier, lança agora uma quadrinhização de Franz Kafka. Trata-se de uma adaptação de América, focada no capítulo em que a cena ocorre no bordel de Brunelda. Um prato cheio para Ponce, pois é das passagens kafkianas onde a inconclusão, marca do genial escitor tcheco, chega ao paradigma. O álbum será lançado no dia 27.
 
Dick Tracy volta à TV
 
Depois da série ao vivo dos anos 1950 e da série de desenhos animados dos anos 60, a genial criação de Chester Gould deve voltar à TV, com apoio do próprio Tribune Media Services, um conglomerado empresarial do ramo de informações que detem os direitos sobre o personagem. A série deve chegar às telinhas dos EUA já no verão deste ano. Uma preocupação para os admiradores de Chester gould é que foi anunciado que haverá 'modernizações' do personagem…
 
Naoki Urasawa vence o Tezuka Cultural Awards
 
Naoki Urasawa, respeitado internacionalmente por 20th Century Boys, acaba de marcar mais um importante ponto em sua carreira. Ele foi o grande vencedor do 9º Tezuka Cultural Awards, no Japão, por seu mangá Pluto, baseado em uma história de Osamu Tezuka.
 
Sin City 2
 
O roteiro do filme Sin City 2 já está em desenvolvimento. Ao menos, foi o que informou o próprio Frank Miller, no Festival de Cannes, onde o filme foi recebido com certa frieza. A sequência manterá a atual dobradinha: o próprio Miller no roteiro e direção geral de Robert Rodriguez.
 
Osamu Tezuka pela Delcourt
 
A Delcourt, depois de lançar – com sucesso – o mangá Okko, publica uma obra que deve ter boa acolhida de público e já está sendo bem recebida pela crítica. Trata-se de Barbara, obra em 2 volumes, na qual Osamu Tezuka mergulha no mundo da cultura alternativa dos anos 70. Em 9 histórias diferentes, o mestre japonês do mangá, segundo quem já leu o primeiro volume, amplia com destreza os limites da pesquisa narrativa e gráfica. O mangá, de 224 páginas, segue a ordem japonesa e é impresso em preto e branco.
 
Wizard Mega Postermania 2005
 
A Wizard Mega Postermania 2005 chegou às gibiterias norte-americanas, com 48 posters de super-heróis e outros comics. Estão presentes Astonishing X-Men, de John Cassaday, Vingadores, de Jimmy Cheung, Ultimate X-Men, no traço de Andy Kubert, Soulfire, por Michael Turner, Ultimate Spider-Man, por Mark Bagley, O Demolidor, por Joe Quesada, She-Hulk por Greg Horn, Hellboy, por Mike Mignola, Wolverine, por J. G. Jones, Conan por Cary Nord, Homem-Aranha por Frank Cho, e outros. Artistas como Mike Mayhew, Greg Land, Joe Linsner (que está lançando um sketchbook), Steve McNiven, Alan Davis, David Mack e Sean Chen comparecem com outros trabalhos. Boa parte do material foi publicado anteriormente na Wizard. A revista tem preço de capa de 6 dólares.
 
O começo de Batman
 
17 de agosto marcará o início de uma nova série de 12 gibis do Homem-Morcego: 'Batman: Journey into Knight', que promete contar (ou recontar?) as origens de Batman. A DC escalou Andy Helfer para os roteiros e Tan Eng Huat (Doom Patrol e JLA) para os desenhos.
 
Um Batman desde Rosario
 
A revista Rumbos publicou uma matéria sobre como Eduardo Risso, uma dos mais autorais criadores argentinos e que vinha trabalhando há 10 anos para o público europeu, passou, de uma hora a outra a desenhar o Batman, em 2004. Categórico, Risso disse, desde Rosario, a cidade onde vive, que a despeito de todo o peso de trabalhar sobre um mito, os super-heróis nunca estiveram em sua lista de preferências. A passagem mais lembrada por Risso, na série 'Broken City' do Batman (que começou no número 620) com roteiros de Brian Azzarello foi a polêmica que americanos criaram por uma cena em que Bruce Wayne cozinhava um bife… A dupla Risso / Azzarello segue fazendo 100 Balas, pela Vertigo, que já rendeu 3 prêmios Eisner a Risso.
 
O próximo desenho animado de Astérix
 
'Astérix et les Vikings' será o oitavo longa-metragem baseado em Astérix. Trata-se da adaptação do maravilhoso álbum 'Astérix et les Normands' (Astérix entre os Normandos), que tem elementos ótimos tanto do ponto de vista da trama (como as diferenças culturais entre os vikinks e os gauleses), como de enquadramento: alguns dos melhores desenhos de Uderzo em toda a série estão neste álbum, especialmente, as cenas do medo do vôo de Pneumatix, o medroso filho de um gaulês roqueiro de Paris, a roda de rock que Pneumatix organiza em plena aldeia gaulesa e o quadro em que Epaf e outros vikings cercam Astérix desacordado. Esperemos que a equipe de produção saiba usar os atributos do álbum, mais do que suficiente para um belo filme, sem inventar muito….  
 
Niffle, um belo sonho de fã
 
Os colegas do portal francês ActuaBd deram esta semana uma oportunidade ímpar para se conhecer o editor Frédéric Niffle, titular das Editions Niffle, através de uma entrevista. Ele mesmo artista gráfico, Frédéric se lançou a 2 anos num projeto editorial extremamente ousado e importante: a reedição integral de alguns dos mais importantes personagens da bande dessinée, como Schtroumpfs, XIII, Spirou e Fantasio, Thorgal, Tenente Blueberry, Jeremiah, e Coronel Clifton, além de volumes de Jacques Tardi e Van Hamme. Sem dúvida, um sonho sobre o qual devemos ter muito boa vontade em acompanhar.  
 
Lions, Tigers and Bears chega ao Playstation
 
Lions, Tigers and Bears, de Mike Bullock, continua sendo a boa notícia de 2005, em quadrinhos para toda a família, nos EUA. A PSPcmx, empresa especializada em adequar quadrinhos para o mundo dos games, já disponibilizou o 1º episódio da série no novo suporte em seu site.
 
BD com o selo Daniel Maghen
 
A Galerie Daniel Maghen, uma galeria de artes de Paris que goza do respeito da classe artística francesa, lançou seu primeiro álbum de quadrinhos. Com uma qualidade mais que invejável. 300 desenhos de Laurent Vicomte foram reunidos nas 176 páginas do álbum Virages. A aposta da Daniel Maghen não poderia ser melhor. Assim como a galeria, Vicomte goza da estima de seus colegas, mas também é extremamente popular na França. A edição teve o cuidado de trazer contribuições de outros artistas da Nona Arte francesa, parceiros e amigos de Vicomte como Loisel, Dany, Juillard, Pellerin, Lepage, Rabaté, Ptiluc, Boiscommun, Giroud, Rodolphe e Plessix, que contirbuíram com largas doses de afetividade para o álbum que também marca 30 anos de carreira de Vicomte. Os cuidados editoriais procuraram aproximar o álbum ao máximo de um livro de reproduções de pinturas. O preço anunciado é 48 euros
 
Nosso achado da semana
 
A Strapazin, revista de quadrinhos independentes em língua alemã, está completando 31 anos, em 2005 e continua um marco absoluto dos quadrinhos que fazem pensar, seja na sua versão suíça, seja em sua versão alemã.
 
Para quem não fala nem uma palavra de alemão, há uma forma de ter uma aproximação agradável da revista: a Strapazin criou uma galeria virtual com capas que mostram a passagem de autores como Baru, Baudoin, Stéphane Blanquet, Boucq, Alberto Breccia, Charles Burns, Daniel Clowes, Debbie Drechsler, Gipi, Vittorio Giardino, Ulf K., Kazuichi Hanawa, Igort, Ben Katchor, Ralf König, Lorenzo Mattotti, Mawil, David Mazzucchelli, Menu, Tony Millionaire, Sampayo y Muñoz, Thomas Ott, Gary Panter, Joe Sacco, Joann Sfar, Art Spiegelman, Jacques Tardi, Tom Tirabosco, Lewis Trondheim, Marko Turunen, Pierre Wazem e Danijel Zezelj, com um primor de inovação tecnológica a serviço do interesse pelos quadrinhos que merece ser conhecida por todos. Confira: http://www.strapazin.ch/formular/gallery.html
 
BRASIL
 
Brasileiros na BD
 
2 álbuns de brasileiros, tiverem publicadas resenhas favoráveis de álbuns lançados em abril, esta semana, na França.
 
O site ActuSF, que combina – com muita inteligência noticiário sobre obras de ficção científica e de quadrinhos, publicou uma resenha de A l'Ombre des Coquillages, de José Roosevelt (que atualmente mora em Genebra), lançado pela 'Boîte à Bulles'. Segundo o ActuSF, o álbum solo de 192 páginas sobre a juventude de Juanalberto, o principal personagem de José Roosevelt, é 'soberbo'. A resenha conclui dizendo que já passou o tempo da França conhecer o talento de José Roosevelt, bom artista e excelente contador de histórias.
 
Já o Sceneario, portal especialista em novos quadrinhos autorais resenhou 'Vieille Amérique', que tem roteiro de Wander Antunes e desenhos do mexicano Tony Sandoval, e que foi publicado pela Paquet (sediada em Genebra). A obra, uma aventura puramente ficcional, que se passa em algum ponto da América Latina no século XVI, só tem um 'problema', segundo Sceneario. Eles querem que haja uma continuação, pois um volume só foi pouco…
 
Já na Alemanha, Leo viu publicado pela Epsilon o terceiro volume da série Kenya, que coloca o país africano no xadrez da Guerra Fria, em 1947. A série, originalmente publicada pela Dargaud, traz como parceiro de Leo nos roteiros Rodolphe, autor de 42 álbuns, inclusive, da série Comanche, repetindo a parceria estabelecida em 1991 na série Trent. Nos desenhos, Leo trabalha sozinho; e diga-se de passagem, magistralmente. Quem sabe, um dia, teremos a chance de ver Leo publicado no país que o viu nascer e pelo qual lutou tanto, em seus anos de juventude?
 
Brasileiros na The Broken Frontier
 
The Broken Frontier continua sendo um belo poço de surpresas para além do 'mais do mesmo'. Os brasileiros Jean Okada, Hector Lima, Irapuan Luiz e Abs Moraes conseguiram publicar 'Zombingo / (In)Version', nos EUA, num esquema bastante independente, em abril, trazendo uma versão de (In)versão, de Jean Okada e Abs Moraes, publicada originalmente no fanzine Orbital, além de Zombingo, HQ de suspense de Irapuan Luiz e Hector Lima, numa edição 'pobre' de 16 páginas, em preto e branco,a o preço de 2,15 dólares. Ou seja, 'tudo' o que não se esperava que fosse sair numa resenha de um site americano.
 
Pois The Broken Frontier teve (mais uma vez) estatura suficiente para conferir, no interesse de seus leitores a obra do quarteto brasileiro. E acabou publicando uma resenha mais que favorável do trabalho de cada um dos 4, na revista. Quem sabe, ajuda o Brasil a ter mais boa vontade com o nosso quadrinho autoral.
 
Portugueses entrevistam Mike Deodato
 
'O desenhista brasileiro Mike Deodato está em bom momento, em Portugal. Desenhos seus estão na nova revista do Homem-Aranha pelas Edições Devir, de lá. Para o segundo número da nova revista, Paulo Costa e Hugo Jesus realizaram uma entrevista para a própria Devir e para a Central Comics, em que ele falou do desafio se substituir John Romita e da alegria em trabalhar em parceria com J. Michael Strackzynski.
 
Mike Deodato Jr em Hulk de luxo
 
Um compilatório de Hulk com arte do brasileiro Mike Deodato Jr. já tem data marcada para ser lançado: em 23 de julho sai Incredible Hulk Vol 04, com subtítulo de Abominable. O volume compila A série do Hulk de números 50 a 54 com argumentos de Bruce Jones.
 
Ruy Jobim Neto, online
 
Ruy Jobim Neto, o gaúcho de Canoas que foi ser cartunista do mundo e quadrinhista a partir de São Paulo agora tem um flog em que os admiradores novos e antigos podem conhecer seu trabalho. Além das tiras de Jarbas, estão presentes seus livros da coleção 'Heróis do Brasil' Zumbi, O Padre Voador, Guararapes e Santos-Dumont, lançados este ano .
 
Os Incríveis, em bonecos da Grow
 
A Grow – uma das mais recomendáveis indústrias de brinquedos e jogos do Brasil – lançou uma série de bonecos do filme 'Os Incríveis', de Brad Byrd, para crianças a partir de 3 anos. Os 6 bonecos reproduzem os personagens do casal Sr. Incrível e Mulher Elástica, dos filhos, Violeta, Zezé e Flecha e do inimigo Síndrome. Pena que a genial costureira dos trajes de super-heróis, Edna Moda, tenha ficado de fora. Daria ótimas brincadeiras adicionais…
 
Mostra Mineira de Zines
 
Nos dias 8, 9 e 10 de junho, acontece, na casa de shows Matriz, em Belo Horizonte, a Mostra Mineira de Zines. O vento procura ressaltar a importância cultural dos fanzines e das revistas alternativas. A mostra também pretende ser um ponto de encontro e reflexão dos produtores e admiradores da cultura alternativa. Uma das grandes lições que podemos aprender desde já é que o encontro vai interagir com a produção local de curtas-metragens de cinema. Além de quadrinhos, haverá zines de poesia, humor, literatura e de protesto. A mostra inclui fanzines digitais. Ingressos diários a 5 reais.
 
Wilson Vieira invade o mundo de Dylan Dog
 
O quadrinhista brasileiro Wilson Vieira, autor do ótimo 'Cangaceiros. Homens de Couro' cavou um espaço inusitado e interessante. Agora, é um desenho seu que ilustra o portal dos DylanDogofili, um dos sites mais importantes entre os que reúnem admiradores da criação da casa Bonelli.
 
Fábio Moon e Gabriel Bá estréiam em Portugal
 
A Devir de Portugal está com alguns lançamentos de quadrinhistas brasileiros. De Lourenço Mutarelli, está sendo publicado 'Soma de Tudo 2', encerrando a trilogia do Enigmo. A dupla e irmãos Fábio Moon e Gabriel Bá estréiam para o público de Portugal com '10 Pãezinhos: Crítica'. Fechando a fila, Angeli tem publicado 'Psicologia e Colesterol' da dupla de hippies envelhecidos Wood & Stock.
 
Wanted, pela Mythos
 
Anunciada em abril, Wanted, série de Mark Miller, com arte de J. G. Jones, chegou a algumas bancas, livrarias e gibiterias do Brasil pelo selo da Mythos, em gibis de 52 páginas ao preço de R$ 7,50. Em tempo: o 1º compilatório de Wanted nos EUA – pela Top Cow – foi lançado também neste mês de maio. Em capa dura e com 192 páginas, reúne os 6 primeiros números, ao preço anunciado de 30 dólares.
 
Kurt Busiek e Carlos Pacheco, em lançamento da Devir brasileira
 
Do lado de cá do Atlântico, a Devir lançou 'Arrowsmith: a Guerra da Magia', de Kurt Busiek com desenhos de Carlos Pacheco, uma aposta com um tratamento de primeira: 164 páginas em cores, em papel couché, reunindo a série lançada em gibis nos EUA pelo selo WildStorm, em 2003.  Trata-se de uma história que se passa na Europa, em 1915, na qual uma guerra de magos, dragões e vampiros tem a Primeira Guerra Mundial como pano de fundo. Apesar dessa apresentação, não é uma HQ de poucas qualidades. Resenhas de sites confiáveis dos EUA como iComics e The 4Th Rail, além do espanhol Tebeosfera, recomendam a leitura, principalmente pois Carlos Pacheco está nela em grande forma, pela identificação com a trama. O preço (justo) é que pode ser um empecilho para o momento atual do Brasil: 50 reais.
 
Sergio Morettini, online
 
Mico Legal e os cartuns de Sergio Morettini, enfim, têm seu espaço próprio na Internet. Trata-se de Humorettini, um blog oficial que traz desde sua produção artística até  que ele chama, com honestidade, de quadrinhos não-autorais, como seu trabalho para o gibi de 'Chaves' (isso, isso, o da série de TV), Senninha e Xuxa e capas de edições brasileiras de Fantasma e do Recruta Zero.
 
Revista brasileira com 35.000 exemplares
 
Fabrício Velasco nos trouxe a informação de que Ronin Soul, uma nova série bimestral de quadrinhos, com personagens e histórias originais totalmente produzidas por brasileiros, chegará às bancas em junho, com o selo da Nomad e distribuição nacional pela DINAP. A tiragem inicial anunciada é 35.000 exemplares.
 
2º Campeonato Brasileiro de Yu-Gi-Oh!
 
Os 100 melhores jogadores brasileiros do card game de Yu-Gi-Oh! se encontram em São Paulo, nos dias 21 e 22 de maio, para disputar o título do 2º Campeonato Nacional de Yu-Gi-Oh!.
Eles foram selecionados em torneios regionais realizados por todo o país. O vencedor oito participará do Sul-Americano, no Chile, no dia 4 de junho. O campeonato é promovido pela empresa que distribui os card games.
 
Um brasileiro na nova 1602
 
'Marvel 1602: New World' é uma tentativa da Marvel de dar continuidade a 1602, de Neil Gaiman. A minissérie terá roteiros de Greg Pak (Warlock e Phoenix: Endsong) e desenhos do brasileiro Greg Tocchini e será lançada em agosto.
 
Ilustra Brasil 2
 
De 7 de junho a 2 de julho, a S.I.B. (Sociedade dos Ilustradores do Brasil) realiza o Ilustra Brasil 2, num dos endereços mais amigos dos quadrinhos em São Paulo: o SENAC Lapa. Além de uma exposição, já estão anunciadas 4 noites de debates dento do evento. Esperamos que até lá o portal da S.I.B. consiga trazer mais detalhes sobre o evento. E, particularmente, que estes dados não estejam tão mal dispostos como são – geralmente- as informações do site, o que dificulta o trabalho da imprensa.
 
Gibi brasileiro do Fantasma
 
O Fantasma News está realizando uma enquete online para auxiliar com parâmetros para que eventuais editores tenham dados sobre as preferências dos leitores.
 
Novo Freak Brothers no Brasil
 
A Conrad está trazendo mais uma chance de conhecer os eternos hippies de Gilbert Shelton. O novo volume se chama 'Freak Brothers: a Viagem Continua', tem 156 páginas e custa R$ 28.
 
André Diniz e Antônio Eder, pela Conrad
 
A boa surpresa da Conrad em quadrinhos autorias nacionais é a publicação de 'Chalaça, o Amigo do Imperador', de André Diniz e Antônio Eder, a dupla responsável pela editora e site Nona Arte. Trata-se de uma história ficcional sobre o  melhor amigo de Dom Pedro I.
 
Edição Quadrinhos #01
 
Em Porto Alegre, Arthur Filho lançou a Edição Quadrinhos #01, um fanzine com apresentação de revista. Na capa do primeiro número, a chamada para uma história do mestre Júlio Shimamoto. Ainda no exemplar, histórias do próprio Arthur, Joacy Jamys e Edgard Guimarães. A revista, de 36 páginas, custa R$ 5.
 
Exposição de Belmonte, em São Paulo
 
A Biblioteca Bendito Bastos Barreto está expondo – durante o mês de maio – cartuns, tiras, charges e caricaturas do genial artista que dá nome à própria biblioteca, mas que o mundo do traço conhece por Belmonte (1896-1947), o genial criador de Juca Pato e ilustrador de Monteiro Lobato, além de ser um de nossos mais originais cartunistas.
 
1º Encontro do Fã-Clube Batbase
 
O encontro, que acontece em Guarulhos (SP), no início de julho, terá concurso de fantasias para crianças e adultos, além de concurso de desenhos sobre o Batman. A Panini vai publicar no Batman de junho, os detalhes do evento.
 
Singularplural na Quadreca
 
Alguns trabalhos de integrantes do coletivo Singularplural Quadrinhos estarão integrando a revista Quadreca, um dos marcos do quadrinho experimental brasileiro, publicada pela USP (Universidade de São Paulo).
 
VI Fanzine Expo
 
Como já escrevemos, A Yamato realiza, em julho, dentro do  Anime Friends, o VI Fanzine Expo.  As novidades sobre o evento é que os fanzineiros que se fizerem presentes farão jus à inclusão de seus zines em um catálogo além do já tradicional poster de divulgação.
 
4 novos livros do Ziraldo
 
Aproveitando a Bienal do Rio, Ziraldo lançou 4 livros de uma só vez, pela Melhoramentos: 3 livros que ele ilustra dos autores infantis Pedro Bandeira, Ana Maria Machado e Ruth Rocha, além de 'Mãe não Muda nunca' um livro em que ele e seu amigo e parceiro brincam com ilustrações do século XIX sobre frases e ditados que as mães têm o costume de dizer para seus filhos.
 
15 anos de um fanzine gaúcho
 
O Tchê #31 número 31 marca os 15 anos do fanzine produzido por Denilson Reis, em Alvorada (RS). Nestes 15 anos, o zine abriu espaços para gente como Gervásio Santana, Daniel HDR, Joacy Jamys, Edgar Franco, Edgar Guimarães, Paulo Abade, Gazy Andraus e Jerônimo Souza e   para o próprio Denilson, que é roteirista. Se pensarmos em quantos títulos não resistiram – nestes 15 anos – o valor da persistência do Denilson fica claro por si só
 
QUADRINHOS, EDUCAÇÃO & CIDADANIA

Com vocês, a gibiteca da UCDB
 
A Universidade Católica Dom Bosco, sediada em Campo Grande (MS) é um exemplo de instituição de ensino superior missionária, que merece ser conhecida e incentivada por um número maior de brasileiros. Esta semana, a própria UCDB publicou uma nota sobre a Gibiteca da UCDB, que nos permitiu conhecer mais esta bela página da história da universidade. A gibiteca tem estrutura para atender uma média de 600 crianças por dia, e desenvolve atividades que incentivem a prática da leitura, trabalhando os aspectos pedagógicos e psicológicos. A gibiteca também oferece aulas de canto todas as quartas-feiras.  A UCDB ainda apóia a Gibiteca Pública de Campo Grande, que tem a preocupação de oferecer lanches e orientação escolar a seus visitantes.  
 
Em tempo: a professora Ângela Catônio, uma das responsáveis pela iniciativa, apresentou a gibiteca no III Seminário Internacional Latino-Americano de Democratização da Comunicação, realizado este mês, em São Paulo.
 
A Lista Bonelli HQ distribui quadrinhos de graça
 
A lista de discussão Bonelli HQ, particularmente pela pessoa de José Ricardo do Socorro Lima – conseguiu que a Mythos doasse lotes de 258 gibis de personagens da linha Bonelli para ser
distribuídos gratuita em escolas públicas. A primeira unidade de ensino contemplada foi o Colégio Nossa Senhora da Penha, em Duque de Caxias, Baixada Fluminense. O segundo município a realizar a atividade será São Vicente (SP), a cargo de Marko Ajdarić.
 
A invasão como cultura
 
De 4 de julho a 4 de setembro, a cidade de Cosenza, realiza seu 8º Festival delle Invasioni, cuja principal atração é uma mostra de originais intitulada 'Milo Manara tra presente e Futuro', em que – com certeza – a história em quadrinhos do supercampeão de motociclismo Valentino Rossi realizada por Manara será a vedete principal. O aparentemente estranho nome do festival é uma prova de maturidade intelectual da cidade: faz referência ao fato de que Cosenza foi invadida cerca de 100 vezes, o que, a despeito da dor e das mortes provocadas, acabou criando caldos de cultura únicos na cidade calabresa, que agora, procura tratar os frutos destes intercursos.
 
10.000 cartilhas ambientais em quadrinhos
 
O deputado federal gaúcho Beto Albuquerque, um dos pouquíssimos parlamentares a implementar ações fora do que normalmente é o 'raio de ação' de cada deputado, propôs a distribuição de 10.000 cartilhas ambientais aos alunos das séries iniciais das escolas de Porto Alegre. O material, editado pela CHESF (Companhia Hidro Elétrica do São Francisco), traz ensinamentos sobre a importância do uso racional de energia elétrica e dos recursos hídricos em duas histórias em quadrinhos, na coleção Educação para Cidadania. Um belo exemplo, que -infelizmente – tem poucos candidatos para dar continuidade no atual elenco de políticos com mandato em Brasília.
 
Quadrinhos católicos sobre João Paulo II
 
Desde 1979, o papado de João Paulo II foi registrado em tiras de quadrinhos de inspiração católica. Agora, estas tiras estão expostas em Roma, numa mostra com curadoria de Giulio Cesare Cuccolini, ele próprio, respeitado pesquisador de quadrinhos: jurado do Roma Cartoon em 2003 e principal autor, entre outros, do Almanacco del Mistero 2005, editado pela Bonelli. O dia-a-dia do papado de João Paulo II em strisce já teve uma compilação publicada em livro, no ano de 2.000. A mostra tem sido noticiada com particular alegria por veículos da própria igreja.
 
EUA: 'Ler É Fundamental'
 
A National Cartoonists Society, associação que reúne quadrinhistas e cartunistas americanos, realizou, entre 15 e 21, a atividade intitulada 'Reading Is Fundamental Week'. Uma idéia altamente 'copiável', que consistiu da inserção, nas tiras diárias dos jornais, de mensagens com o tema 'Ler É Fundamental'. Entre os autores mais conhecidos fora dos EUA, integraram a iniciativa Bob Thaves (Frank & Ernest), Russell Myers (Broom-Hilda), Bill Rechin & Don Wilder (Crock) e Mell Lazarus (Momma), além da dupla Jerry Scott / Jim Borgman e seu Zits, que continua sendo um privilégio dos portugueses.  
 
Fabio Sironi, em prol de crianças africanas
 
O quadrinhista italiano Fabio Sironi, ligado a instituições como a mais que louvável Nigrizia, está organizando um evento para o dia 28, em Milão. Além de uma sessão musical, será apresentado 'Quaderno Africano', com 3 trabalhos de Sironi, editado pela Frassinelli.
 
O intuito da obra, que serve como uma agenda para o ano de 2006, é arrecadar fundos para crianças sem-teto da África.
 
HQs em Braille de Maurício de Sousa
 
A personagem cega Dorinha, criada por Mauricio de Sousa em agosto de 2004 para apoiar a Fundação Dorina Nowil, teve o lançamento de dois livros durante a Bienal do Livro do Rio de Janeiro. Cada um dos livros tem 20 páginas. Ambos foram desenvolvidos com o auxílio de uma equipe de consultores que são portadores de deficiências visuais. Mônica e Cebolinha comparecem nestes volumes.
 
Vale sempre registrar que é bom ver o exemplo de uma pessoa que se encontra no topo da carreira, e ainda procura tempo e meios para iniciativas deste tipo.
 
'Como e Por Que Ler a Literatura Infantil Brasileira'
 
A pesquisadora Regina Zilberman brindou a inteligência nacional com mais um livro. Em 'Como e Por Que Ler a Literatura Infantil Brasileira', obra que analisa cem anos de produção de livros para crianças no Brasil, um dos assuntos é a ilustração nacional. O livro foi objeto de uma sessão de autógrafos na UESPI (Universidade Estadual do Piauí), no dia 25 de abril. Regina Zilberman já lançou 20 livros, e atualmente leciona na PUC RS.

Semana dos Quadrinhos é um resumo semanal do Neorama dos Quadrinhos que procura, mais do que apontar os sucessos de editores e autores,  mostrar os caminhos pelos quais a Arte Sequencial se encontra consigo mesma, com a sociedade e com os leitores. A reprododução é livre, desde que citada a fonte: Neorama dos Quadrinhos www.neorama.com.br

Este resumo traz, com texto final de Marko Ajdarić, um apanhado do que foi publicado nas edições de 16 a 20 de maio de 2005.

A Semana dos Quadrinhos 128

INTERNACIONAL

Os melhores do mês, nos EUA

A lista de Read Yourself RAW sempre é um alento para quem busca ter informações sobre a Nona Arte no país de maior mercado leitor do mundo.
 
Confira as indicações do site:
 
'Steinberg at The New Yorker (HC)', livro de Joel Smith sobre 60 anos da arte de Saul Steinberg  numa das revistas de ilustração de maior prestígio do mundo.
 
'King-Cat Comics & Stories: Diary of a Mosquito Abatement Man', uma coletânea da criação de  John Porcellino que engloba a produção de 1989 a 1999.
 
The Plot: The Secret Story of the Protocols of the Elders of Zion, de Will Eisner, pela WW Norton.
 
'Embroideries', álbum de Marjane Satrapi pela Pantheon Books
 
Walt & Skeezix Vol 1,  Frank King, editado por Chris Ware para a Drawn & Quarterly. Trata-se do primeiro volume da primeira grande coletânea de Gasoline Alley, de Frank King, que já ganhou o Eisner em 2001, como projeto editorial. O volume, de 400 páginas, traz os 2 primeiros anos das tiras.
 
'Who Let the Cat Out?', 10º volume das tiras de Mutts, de Patrick McDonnell.
 
Bolland Strips!, um álbum de capa dura que traz tiras de Brian Bolland.
 
'The K Chronicles Vol 4: The Passion of the Keef', novo volume de tiras de Keith Knight
 
Top Ten: The Forty-Niners, álbum em capa dura de Alan Moore e Gene Ha pela WildStorm.
 
'Pilgrim & Son: Festival Ritual', álbum de tiras de Hunt Emerson
 
Unexpurgated: The Tale of Lordie Jones, do novo valor canadense Marc Ngui, que fala dos medos das crianças através de uma fábula com boas doses de humor negro.
 
Village under my Pillow, obra solo de desenhos do canadense (quebécois) Luc Giard pela Drawn & Quarterly.
 
Why Are You Doing This?, um thriller existencial de Jason pela Fantagraphics.
 
Three Paradoxes, álbum de Paul Hornschemeier pela Fantagraphics que reúne 3 trabalhos de estilos bem diferentes.
 
Robert Crumb comparece com 'The Complete Crumb Comics Vol 17', pela Fantagraphics.
 
Cinema Panopticum, álbum em capa dura da Fantagraphics com quadrinhos sem texto do suíço Thomas Ott que mostram aspectos obscuros da convivência humana.
 
Scream Queen, álbum de Ho Che Anderson pela Fantagraphics, que marca uma nova virada na carreira do autor. Depois do biográfico King, sobre Martin Luther King, ele volta à ficção.
 
A Treasury of Victorian Murder Vol 7: the Murder of Abraham Lincoln, de Rick Geary, pela mais que autoral NBM.
 
The Jackson 500 Vol 1 reúne trabalhos pictóricos de Tim Biskup, pela Dark Horse.
 
'Different Ugliness, Different Madness', do francês Marc Malés, um dos últimos lançamentos da parceria Humanoids/DC Comics, uma fábula sobre a era de ouro do rádio.
 
Johnny Caronte & the Revolver Vol 1, primeira de 2 estórias de um arco de Jamie Roman Collado
pela Alias que passeia pelo mundo dos zumbis.
 
The World's Greatest Super-Heroes, álbum em capa dura da DC que traz uma coletânea de trabalhos de Paul Dini e Alex Ross, ao preço de 50 dólares.
 
Batman: Strange Apparitions, uma coletânea de trabalhos de Steve Englehart, Marshall Rogers, Terry Austin e muitos outros com histórias do Homem Morcego escritas no final dos anos 70
 
Super Fuckers #1, de James Kochalka pela Top Shelf, série em que um dos grandes nomes do underground dos EUA traz um retrato muito particular e humorado da juventude atual.
 
Desolation Jones #1, de Warren Ellis e JH Williams III, pela WildStorm, já abordado no resumo da semana passada.
 
NYC Mech: Beta Love #1, de Ivan Brandon, Miles Gunter e Andy MacDonald pela Image, série sobre robôs que tem o aval, entre outros, de Brian Azzarello.
 
Illustrators: the 46th Annual of American Illustration, o anuário da The Society of llustrators publicado pela Harper Design.
 
Alter Ego, revista da TwoMorrows, que chega ao seu 48º número num especial dedicado a Will Eisner.
 
Write Now!, outra das belas contribuições da TwoMorrows, dedicada aos roteiristas de quadrinhos, que chega ao 10º número trazendo entrevistas de Peter Bagge, Dwayne McDuffie e Gerry Conway.
 
Cerebus, a revista de Dave Sim e Gerhard num especial chamado Following Cerebus #4, dedicado a Will Eisner.
 
Batman: Dark Detective #1 of 6 (ver na sequência do resumo)
 
Foul Play! The Art & Artists of The Notorious 1950s EC Comics, livro do pesquisador Grant Geissman sobre o lado autoral da extinta editora, já abordado no resumo semanal do Neorama dos Quadrinhos.
 
Strangehaven 18, de Gary Spencer Millidge pela Abiogenesis Press
 
Fluffy, da inglesa Simone Lia, lançada na França pela l'An 2, que chega ao seu terceiro número pela Cabanon Press .
 
Como dá para ver, há vários motivos para ficar animado com a Nona Arte nos EUA. E com fontes de informação como a Read Yourself RAW, uma indicação das melhores para seus favoritos.  
 
Morreu Joe Grant, o pai de Dumbo
 
O mundo da animação perdeu uma de seus maiores nomes. Joe Grant, 'o artista que ensinou Dumbo a voar' morreu na sexta-feira dia 6, em Los Angeles, aos 96 anos.
 
Segundo o presidente do Sindicato de Animadores, Tom Sito, o ilustrador, roteirista e mestre dos story-boards morreu a morte que qualquer artista deseja, com o lápis na mão'.
 
Grant também foi o idealizador dos filmes 'Branca de Neve e os Sete Anões', (1937), Fantasia (1940) e Pinóquio (1940).
 
Festival BD Ganshoren-Bruxelles
 
Mais de 40 autores belgas e de outros países estarão autografando suas obras no domingo, dia 22, no Festival BD Ganshoren-Bruxelles. Entre eles, Dino Attanasio, Raoul Cauvin, Crisse, Yves Duval, Gérald Forton, André Geerts, André Houot, Eddy Paape e Ribera.  
 
Jacques Tardi, por Le Cri du Peuple (recentemente publicado no Brasil pela Conrad) receberá prêmio Carolus Quintus, dedicado a obras da Nona Arte socialmente engajadas.
 
Gérald Forton terá e dará uma alegria especial: um álbum de Bob Morane terá uma edição especial e numerada para o festival.
 
O evento, que conta com o decidido apoio do Centre Belge de la B.D., tem como país convidado este ano a Eslovênia, com particular destaque para a produção das revistas Mladina e Stripburger (que foi alvo de um absurdo caso de censura nos EUA, em dezembro).
 
A primeira história em quadrinhos de Wolinksi
 
Georges Wolinski parece ter se animado com a presidência do Porto Cartoon deste ano e com a premiação em Angoulême. Depois de um hiato de 26 anos, o tunisino de maior sucesso em toda a história da Nona Arte volta a publicar no formato álbum. No dia 11, foi lançado, pela Albin Michel, 'Une Vie Compliquée', de 56 páginas, 'dedicado' às mulheres. Com um pequeno detalhe: depois de mais de 80 ábuns de cartuns, gags e de seus antológicos personagens que debatiam demolindo a política francesa, trata-se do primeiro álbum de histórias em quadrinhos de Wolinski.
 
Nova logomarca da DC Comics
 
A DC Comics passa a ostentar a 8ª logomarca de sua trajetória. A marca que acompanhou a editora de Batman e Superman desde meados dos anos 70 será substituída pela nova no dia 25.
 
El País anuncia coleção de quadrinhos
 
O jornal madrilenho El País, um dos jornais de maior visibilidade da Espanha, vai publicar uma coleção de ábuns de quadrinhos, a partir do dia 22. A coleção vai privilegiar a Nona Arte européia. O primeiro álbum a ser publicado será Astérix o Gaulês. Na sequência, virão Mafalda, Mortadelo e Salaminho, Corto Maltese, Charlie Brown, Blake e Mortimer, Tenente Blueberry, o  Capitán Trueno, Príncipe Valente, Spirit, Persépolis, Flash Gordon, Hellboy, Zorro, Rip Kirby,  Mandrake e Garfield.
 
Roma Cartoon
 
O XXVIII Salone Internazionale dei Comics, o Roma Cartoons, divulgou seus premiados na edição deste ano. O júri, do qual faz parte Claude Moliterni, concedeu o mais importante galardão, o Prêmio Yellow Kid, ao argentino Horacio Altuna. Um filme realizado já há alguns anos foi o vencedor, na categoria filme de animação: 'Mercano el Marciano' do espanhol Juan Antin. O site oficial – muito ruim, no tocante às informações – não explica se o ilustrador austríaco Alex Rinesch, que teve direito a uma mostra individual neste ano, foi indicado ao prêmio antes ou depois do convite para a mostra. O italiano Simone Bianchi que anda conseguindo espaços no mainstream dos EUA, foi indicado melhor autor. 
 
Apesar de tanta badalação com os autores estrangeiros, as pessoas que pagaram ingressos para o evento tiveram quase nenhum acesso a eles. As grandes editoras, com exceção da Bonelli, não montaram grandes stands no espaço dedicado a elas, no centro da mostra, o que acabou sendo um fator decisivo para que ficasse bem clara a péssima distribuição do espaço. Pelo que lemos, o evento esteve mais para uma feira do que para um festival.
 
A nova obra-prima de José Carlos Fernandes
 
Aaron Slobodj foi um dos mais brilhantes artistas do século XX. Mas o próprio Slobodj se encarregou de apagar muito dos traços de sua genial obra, que se estendeu até a música erudita.   Para nossa sorte, a única incursão de Slobodj na arte sequencial não foi 'apagada' pelo autor, e agora é recuperada por José Carlos Fernandes, o autor de maior reconhecimento da Nona Arte portuguesa, através de uma edição portuguesa pela Devir, que já está nas livrarias portuguesas e que será lançada no Saló de Barcelona, pela Devir espanhola.
 
'A última obra-prima de José Carlos Fernandes' foi exatamente o título que Hugo Jesus, da Central Comics, deu à apresentação do álbum, que tem 96 páginas e custa 16 euros.
 
Batman: Dark Detective II
 
Saiu o 1º gibi da série em 6 partes chamada Batman: Dark Detective II, com texto de Steve Englehart e arte de Marshall Rogers e Terry Austin. Na série, que foi pensada 9 meses antes da última eleição americana (o que explica a singularíssima capa do número 1), o Coringa aparece dirigindo uma campanha para se tornar governador de um estado americano; e acaba sendo um destaque absoluto, pois Englehart consegue – ao depurar o personagem – trazer de volta a aura mais forte do Coringa.
 
Por falar em Coringa, David Goyer, o roteirista de Batman Begins, deu todas as indicações de que o personagem estará presente em um filme que deve se seguir a Batman Begins… desde que as bilheterias respondam melhor desta vez a um filme baseado no Homem-Morcego.
 
MTV à moda da Dark Horse
 
Entre os lançamentos da Dark Horse Comics de agosto, teremos o primeiro número de Aeon Flux, com argumentos de Mike Kennedy e arte de Timothy Green II. Os gibis da minissérie reproduzirão, em boa medida, as aventuras animadas de Aeon Flux na MTV, sendo um instrumento de divulgação do filme protagonizado por Charlize Theron, a ser lançado no mesmo período.
 
Superman: histórias de Jerry Siegel em álbum de 50 dólares
 
A DC Comics lançou Superman: The Action Comics Archives 4, um compilatório da revista Action Comics de números 53 a 68. O principal destaque do álbum com estórias da Era de Ouro dos comics são aventuras assinadas por Jerry Siegel, um dos criadores do Homem de Aço. O álbum, em capa dura, tem 224 páginas e preço de capa de 50 dólares, mas sai por 45 dólares ou menos, em lojas virtuais.
 
Montevideo Comics
 
O Festival Montevideo Comics, um dos principais eventos que tentam fazer a Nona Arte ter um desenvolvimento próprio no Uruguai, já tem data para sua realização, em sua 4ª edição. 6 e 7 de agosto, no Instituto Goethe. Está prevista a presença de um artista alemão e de vários argentinos, além da exibição de filmes de vários países (o que pode servir de base para mostras sobre esse tema tão rico e tão pouco explorado no Brasil)
 
Mordillo: rumo à TV
 
Guillermo Mordillo está preparando uma versão de seus cartuns para televisão, centrada na série das girafas. Os filmetes, de menos de um minuto, devem tirar proveito da maravilhosa arte do argentino, que faz suas gags sem o uso de palavras. A distribuição deve começar pela Europa.
 
Mostra de Quino
 
Depois de ser vista por 200.000 pessoas em Mar del Plata a mostra 'Quino 50 años', idealizada para comemorar o cinquentenário da atividade profissional do criador da Mafalda estará em Mendoza, terra natal de Quino, de 1º a 31 de julho. A mostra apresenta cerca de 200 trabalhos.
 
Minissérie de Steve Niles em compilação
 
Steve Niles não pára de pensar e criar. E além do que anda sempre produzindo, ainda se somam os compilatórios, como o de 'Last Train to Deadsville', lançado no dia 11, pela Dark Horse, com desenhos de Kelley Jones. A mini original, em 4 números, conta a história do detetive particular Cal McDonald e seus poderes sobrenaturais. Com 144 páginas, o preço anunciado é 15 dólares.
 
A Argentina homenageia 40 anos da Lúpin
 
A Lúpin é, atualmente, a única única revista argentina mensal de quadrinhos com aventuras e humor. Com o 'pequeno' detalhe que ela vem saindo, sem uma única interrupção, há 40 anos. Para marcar a data, o Museo de la Caricatura 'Severo Vaccaro', com apoio de várias entidades, inclusive do novo movimento Banda Dibujada está lançando uma idéia extremamente simpática (sem cobrar royalties): uma guirlanda de cumprimentos, a ser constituída com mensagens de toda e qualquer pessoa que queira mandar, pelos correios, a sua saudação.
 
Alejandro Jodorowsky, de volta ao cinema
 
Son of the Gun, de Alejandro Jodorowsky, deve ser uma das próximas HQs adaptadas para o cinema. A Fox já escalou os diretores Alex e Andrew Smith para a adaptação da história de Juan Solo, um anti-herói (ou anti-vilão) durão cujas histórias trafegam, inclusive, por bordéis da América do Sul. Son of the Gun, o título, faz referência direta ao fato de Juan ser o filho adotivo de uma prostituta com a qual tem uma relação para lá de edipiana. O filme deve chegar às salas de projeção em 2006.
 
Anton Tchekhov, tema de álbum da L'An 2
 
Em 1890, Anton Tchekhov, então com 30 anos, tendo tomado conhecimento de que estava tuberculoso, realizou uma viagem de 10.000 quilômetros para realizar estudos sobre a ilha de Sakalina, possessão russa em frente ao Japão. Agora, o desenhista Pascal Rabaté e o fotógrafo Jean-Hugues Berrou refizeram a viagem. O resultado é o álbum 'Jusqu'à Sakhaline', em que além dos registros da passagem do grande mestre russo da dramaturgia e da literatura, se faz uma ampla reportagem sobre a Rússia no limiar do século XX.
 
3 do Quarteto Fantástico
 
A 20th Century Fox já disponibilizou o acesso a Clobberin'Time, o jogo online do filme do Quarteto Fantástico. Nos EUA, maio trouxe 'Fantastic Four: Best of Vol. 1', um álbum em capa dura de 360 páginas, que inclui a reedição do 1º gibi da série. Já no Brasil, a editora Panini anuncia que pretende lançar a adaptação oficial do filme em quadrinhos, além do primeiro volume de Os Maiores Clássicos do Quarteto Fantástico.
 
Oesterheld, pela Bañadera
 
'Oesterheld. En Primera Persona' é o título do primeiro de 2 volumes em que La Bañadera del Cómic, responsável pela publicação online de Sonaste Maneco, uma das melhores revistas virtuais de quadrinhos da América Latina, publica tudo o que já se escreveu sobre Héctor Germán Oesterheld, criador de El Eternauta e um dos principais baluartes dos quadrinhos argentinos.
 
Prado, pela Norma  

A Norma Editorial publicou 'La Mansión de los Pampín', de Miguelanxo Prado, um álbum fruto do Proxecto Terra, iniciativa do Colegio Oficial de Arquitectos de Galicia. Trata-se de uma incisiva dose de humor que denuncia a especulação imobiliária, mas também funciona como sátira de costumes.
 
Tokyopop para crianças
 
A Tokyopop, uma das maiores distribuidoras de mangás de língua inglesa, anunciou uma linha de livros baseados em programas de TV, para crianças de 3 a 6 anos, que começará a ser publicada em julho e que terá o nome de Jr. Cine-Manga. A aposta conta com a parceria da empresa de brinquedos Hasbro, responsável pela linha de brinquedos Meu Pequeno Pônei, um dos primeiros personagens que serão publicados. 2 volumes com base em Vila Sésamo também foram anunciados. A série vai usar pouca ilustração artística e muitas reproduções dos programas de TV incluídos.
 
Free Comic Book Day: melhor este ano
 
Um resumo do Free Comic Book Day de 2005  dá conta de que várias lojas tiveram que fechar as portas para re-estocagem, nos EUA. Em muitas gibiterias, o número de visitantes pulou de uma média de 20 de um sábado normal para 400. Infelizmente, o site oficial não publicou nenhum balanço ou fotogaleria.
 
Ensaios sobre HQs e cultura de massas
 
O Toronto Comic Arts Festival, que acontece de 27 a 29 de maio, será o palco para o lançamento do livro 'Arguing Comics: Literary Masters on a Popular Medium', uma coleção de mais de ensaios editada por Jeet Heer e Kent Worcester. Os ensaios, que incluem artigos de intelectuais do porte de Umberto Eco e Marshall McLuhan, trazem pontos de vista muito diferentes sobra a Nona Arte e sua relação com a indústria cultural. Pelo que temos lido, trata-se de uma das obras de referência mais sérias lançadas na América do norte, este ano.
 
Marvel MAX ficará com um único título
 
A Marvel decidiu passar a publicar Poder Supremo – de J. Michael Straczynski – através do selo Marvel Knights, e não mais pelo selo Marvel MAX. A única revista que continuará sendo editada pelo selo Marvel MAX é o Justiceiro. Segundo a direção da Marvel, teria havido uma 'total falta de interesse dos autores em trabalhar com este universo'. Ou, quem sabe, um excesso de interesse da Marvel em outras séries menos elaboradas do ponto de vista dos roteiros…
 
Um marco para o Neorama dos Quadrinhos
 
Desde o dia 10, o Neorama dos Quadrinhos é o único site que não está sediado na Europa a figurar no webring EuroBD, que envolve centenas de sites europeus associados à Nona Arte. A inclusão no webring não é automática. A direção do EuroBD faz uma seleção que demora semanas, entre os sites que solicitam sua inscrição. Assim, trata-se de uma honra esta inclusão, que muito nos alegra.
 
30 anos de Fluide Glacial
 
A revista Fluide Glacial, um dos mais importantes esteios da geração que abriu novos horizontes para as bandes dessinées nos anos 70, completou 30 anos de fundada, em 1º de abril. Um número mais que especial foi lançado em maio, para marcar a data. Nada menos que 89 autores se fazem presentes. Entre eles, o principal fundador, Marcel Gotlib e entre os mais antigos colaboradores Solé, Léandri, Binet, Boucq, Goosens e Hugot. A fila dos 'novos' é puxada por Charb e Luz. Uma série de artistas convidados também se faz presente: Baru, Berberian, Cabu, Cestac, Margerin, Mézières, Joann Sfar Zep e Wolinski. Ao longo destes 30 anos, já foram 348 edições da Fluide Galcial e 300 álbuns publicados pelo selo que se originou da revista.
 
X Salón del Cómic de Avilés
 
Avilés, nas Astúrias, realiza este ano a 10ª edição de seu salão da Nona Arte, no segundo semestre. A julgar pelos nomes internacionais já anunciados – D'Israeli, Gary Frank  George Pérez e Michael Avon Oeming, vai ser um dos marcos do calendário espanhol, em 2005.
 
Peru: um encontro da HQ independente
 
O 3º Encuentro Nacional de Publicaciones no Masivas de Historietas, se realiza em Lima desde o dia 10, e segue com uma mostra a cargo do grupo Nagra Comics até 10 de junho. As revistas de produção local são o destaque do evento.
 
Novo prêmio para autores de HQ
 
A San Diego Comic-Con, em junho, será o palco para e entrega do 1º Bill Finger Award for Excellence in Comic Book Writing, um prêmio dedicado aos roteiristas de quadrinhos. Com apoio da DC Comics, o prêmio homenageia Bill Finger, um dos criadores de Batman.
 
Livro sobre o filme de Hayao Miyazaki
 
O novo filme de Hayao Miyazaki, que entra em circuito nacional no Brasil no dia 15 julho com o titulo de 'O Castelo Animado', vem cercado de bons lançamentos em papel. O mais importante deles, é o livro de ilustrações 'The Art of Howl's Moving Castle', de 356 páginas, mostrando o trabalho por trás das telonas. A obra, a ser lançada em julho, pela Viz, nos EUA, tem preço anunciado de 35 dólares. 
 
'Les Editeurs de Bande Dessinée', nova obra de referência
 
No dia 6, foi lançado 'Les Éditeurs de Bande Dessinée', livro do estudioso Thierry Bellefroid, antigo editor de BD Paradisio, que traz entrevistas com os responsáveis por mais de 80% do mercado da Nona Arte de expressão franco-belga. A lista inclui L'Association, Casterman  Cornélius, Dargaud, Delcourt, Dupuis, Frémok (o coletivo que surgiu da união de um grupo de bédéistes belga e um francês, e que acaba de completar 10 anos), Glénat, Les Humanoïdes Associés, Kana e Soleil.
 
Para mais, o livro traz desenhos inéditos de cerca de 20 autores do porte de Baru, Berberian, Schuiten e Lewis Trondheim. O livro, de 168 páginas coloridas, tem preço anunciado de 23 euros.
 
A volta de Supergirl
 
Jeph Loeb e Ian Churchill parece que acertaram a mão: o número 19 de Superman/Batman terá uma reimpressão que chegará às gibiterias americanas como o número 0 de 'Supergirl'.
 
Sierre não morreu
 
Mais uma bela notícia da Suíça. Um movimento de resistência ao final decretado pela câmara municipal do Festival Internacional de la Bande Dessinée de Sierre, o único evento que promove a cidade mundialmente, e que estava em sua 21ª edição, em 2004, foi constituído.  Trata-se da associação 'Sierre Secoue la Bande Dessinée', que pretende, senão reeditar o festival, conseguir manter em evidência um nome que durou décadas para se constituir. A primeira atividade, que ganhou o nome de BD-Bois, acontece entre os dias 17 e 19 de junho. A principal atividade é uma mostra ao ar livre de trabalhos de Tom Tirabosco, um dos maiores nomes locais da Nona Arte.
BRASIL

28 episódios de Batman, em DVD

A Warner Home Vídeo vai lançar em julho uma caixa com a primeira temporada de Batman – A Série Animada, produzida em 1992, com um total de 28 episódios. Entre os extras, trilha de áudio comentada, documentários e um 'tour' pela Batcaverna. 
 
São Paulo: VI Fanzine Expo 
 
O Fanzine EXPO VI vai acontecer dentro da programação do Anime Friends 2005, nos dias 14, 15, 16 e 17 de julho, na UniSant'Anna. O prazo de inscrições vai até 20 de junho. O valor da taxa de inscrição para os 3 dias é de R$10,00 e dá direito a um poster personalizado do fanzine.
 
Pelo exemplo que tivemos ao participar do Anime Dreams 2005, em janeiro, também realizado pela Yamato Comunicações e Eventos, vale dizer que é difícil esperar melhor tratamento aos fanzinato s em um evento no Brasil.
 
Buffy com arte de Fernando Goni
 
Spike, o vampiro do seriado de TV 'Buffy', retorna aos quadrinhos num gibi da IDW escrito por Peter David (de Hulk). A arte e as cores serão produzidas pelo desenhista carioca Fernando Goni.
 
O novo desenhista de Batman
 
Mais uma bela contribuição do Zine Brasil, de Michelle Ramos, foi publicada esta semana. No seu Zine Brasil, ela publicou uma entrevista com o paraense Eddy Barrows, novo desenhista de Batman. Segundo o relatado, Eddy 'está tendo a liberdade necessária pra deixar fluir o seu trabalho'. Vamos ver o resultado, em breve.
 
Rock e HQ: as novas da Mosh
 
A Mosh, revista de quadrinhos e rock'n'roll, chegou ao 7º número. A atual edição mostra a capacidade da Mosh em aglutinar gente, com HQs de Fábio Monstro, Fabio Lyra, Vinicius Mitchell, Renato Lima, D, Mortimer Só, Chuck Hipolitho, Danilo, Erik Judson, Felipe Cunha, Leo Finocchi, Bruno Cotrim e Rafael Adorjan, além de resenhas de Heitor Pitombo para o ótimo álbum 'Sopa de Gran Peña' e para o livro 'Desvendando os Quadrinhos', de Scott McCloud.
 
A revista traz também entrevistas com as bandas de rock Lasciva Lula e Forgotten Boys, duas das novas expressões que vem ganhando todo o respeito do circuito independente nos últimos 2 anos. A Mosh #7 vem com 64 páginas (em cores e em preto e branco), formato de bolso. O preço? só 3 reais.
 
A Mosh! também está divulgando a presença do mineiro Jaral com sua tira Os Tranquêra, uma das melhores surpresas dos quadrinhos no Brasil em 2004, numa sessão de autógrafos no dia 21, no Rio, dentro da programação do 'Vespeiro: Rock Vespertino em Copacabana'.
 
Sandman chegou
 
A 'coleção definitiva de Sandman no Brasil' já chegou às boas bancas e gibiterias. O primeiro volume se intitula 'Sandman: Prelúdios e Noturnos' e inicia uma série de 10 volumes com o selo da Conrad, que além do tratamento de primeira (252 páginas em papel couché) traz uma belíssima mostra de cuidado editorial: um prefácio exclusivo assinado pelo próprio Neil Gaiman.
 
Toulouse-Lautrec. Assinado, Smudja
 
A Montmartre de Henri de Toulouse-Lautrec é o tema do 2º álbum do sérbio Gradimir Smudja no Brasil. O lirismo onírico do quadrinhista vai nos conduzir a diálogos e situações insólitas em que também estarão presentes Degas, Renoir, Monet, Seurat, Cézanne, Van Gogh e Oscar Wilde. A sinopse oficial informa que o virtuosismo gráfico de Smudja, uma das marcas que mais impressionou os leitores em Vincent & Van Gogh, em que várias pranchas são um elogio e ao mesmo tempo um belo exercício da pintura, está presente neste segundo volume. O cuidado editorial da Jorge Zahar deve ser sublinhado, a começar pela escolha do tradutor, André Telles, um intelectual de ótimo gabarito. 
 
Exibição semanal de animês, em Manaus
 
O grupo NBR começou a exibir animês semanalmente, no Centro Cultural Palácio Rio Negro, em Manaus. Nos 3 primeiros sábados de cada mês, serão exibidas séries completas. Entre as  primeiras séries, estão Full Metal Alchemist, Tsubasa Chronicle e Ranma 1/2. A entrada é franca.
 
11ª Expoanime, em Goiânia
 
A Expoanime, que acontece desde o final de 2003, chegou à sua 21ª edição, neste dia 15. O evento vem recebendo uma média de 300 pessoas. Venda de camisetas, artesanato, oficinas de tai chi chuan e campeonato de Pokémon fazem parte da programação. Os ingressos custam R$ 5. 
 
Em Araçatuba, Anime Fever
 
A 1ª edição do Anime Fever vai reunir os otakus da região de Araçatuba (SP) nos dias 21 e 22. O nome é bem apropriado, se considerarmos a programação, quase toda voltada para os animês. Nenhuma menção é feita aos fanzineiros ou aos mangás, no site oficial, até o momento…
 
W.I.T.C.H. em dose dupla
 
A Edelbra está lançando 2 livros de W.I.T.C.H. na Bienal do Rio: O Coração da Salamandra e  Imperatriz Cruel, ambos de 96 páginas.
 
Tiras sobre arquitetura
 
O ARCOweb, site brasileiro que melhor apresenta os projetos de arquitetos nacionais, agora publica tiras de Archibald, do belga Maaik Hermans, uma crítica bem-humorada sobre o ambiente da arquitetura.
 
'O Design Brasileiro antes do Design'
 
Por falar em arquitetura, o Vitruvius, o melhor site de notícias e análise da arquitetura enquanto expressão humanista do Brasil nos trouxe esta semana a notícia do lançamento do livro 'O Design Brasileiro antes do Design. Aspectos da História Gráfica, 1870-1960', pelo selo da Cosac Naify. Organizado pelo historiador Rafael Cardoso, a obra dedica um capítulo todo especial ao grande mestre do traço nacional, J. Carlos
 
Maurício de Sousa na Bienal do Rio
 
'Crescer com os Pais da Turma', de Mauricio de Sousa, é um dos lançamentos infantis mais aguardados d bienal carioca. O livro traz respostas para algumas das principais inquietações das crianças, como medo de escuro e os palavrões. No stand da Editora Globo, entre outros, estão os livros ' A Montanha-Russa', 'A Fotografia', 'A Caixa' e 'A Aposta', todos com personagens da Turma da Mônica. No campo das figurinhas, a mesma editora aposta na nova coleção  'Turma da Mônica: A volta do Capitão Feio'.
 
Já em São Paulo, de 14 a 31 de maio, está montada a já conhecida e rodada exposição 'No Mundo das Histórias em Quadrinhos', no Market Place Shopping Center.
 
Mike Mignola, Craig Russel e J. Michael Straczynski
 
A Mythos está lançando no Brasil Rising Stars, o maior sucesso de crítica de J. Michael Straczynski (roteirista de Homem-Aranha), publicada originalmente nos EUA pela Top Cow. O 1º número da série, 'Estrelas Ascendentes Volume 1' tem formato americano, 196 páginas, é impresso em papel Pisa Brite e tem distribuição setorizada, não devendo chegar a muitos pontos do país. Os desenhos estão a cargo de Keu Cha, que também trabalha em Witchblade.
 
A minissérie 'Conqueror Worm', de Mike Mignola, está saindo no Brasil em volume único. A Mythos reuniu as 4 partes em 'Hellboy: o Verme Conquistador'. Na série, Hellboy investigar ruínas de um programa espacial nazista.
 
Para agosto, a Mythos promete Conan: as Jóias de Gwahlur, de Craig Russel, que adapta uma história de Robert E. Howard. A  minissérie acaba de ser lançada nos Estados Unidos, em três edições, mas aqui, deve ser publicada em um único especial.
 
O brasileiro em 'Madagascar'
 
Ennio Torresan trabalhou nos storyboards do próximo filme de animação da DreamWorks, Madagascar. Vencedor do Emmy Awards por seu trabalho no seriado O Cãozinho Esperto, da Disney TV, começou sua carreira como ilustrador de revistas em quadrinhos.
 
Brado Retumbante 3
 
O fanzine Brado Retumbante, realizado em Olinda (PE) chegou à sua 3ª edição, com 68 páginas, que inclui trabalhos de Francinildo Sena, Mark Novoselic, Leonardo Santana (o editor),  Ricardo Anderson,  Rodrigo Garrit, Milton Estevam, Jota Medeiros e Cidclay Laurentino. O preço, já incluídas despesas de correios, é R$ 4,00.
 
Holy Avenger Reloaded
 
Holy Avenger passa a ter o nome Holy Avenger Reloaded e será republicada desde o número um, pela Editora Mythos. As revistas, de 48 páginas e capa dupla custarão R$ 4.00.
 
Daniel HDR ilustra Brian Pullido
 
O quadrinhista gaúcho Daniel HDR assinou contrato de exclusividade com a editora Avatar Press, responsável pela publicação das dezenas de criações do prolífico Brian Pulido. Pois é exatamente a mini-série 'Medieval Lady Death / Belladonna', de Pullido, o primeiro trabalho de HDR para a Avatar. O gibi, de 16 páginas deve chegar às gibiterias dos EUA em junho. Preço anunciado: 3 dólares.
 
Jarbas, em 3D
 
As ótimas tiras de Jarbas, de Ruy Jobim Neto, vão ganhar um novo formato: um desenho animado em 3D. A idéia é que O desenhos seja veiculado por home vídeo e também por TV. Esperamos que o Jarbas tridimensional ajude a dar visibilidade ao outro trabalho de Ruy, o de escritor de livros ilustrados, através da coleção Heróis do Brasil, pela qual ele está lançando 4 belíssimos volumes sobre Zumbi, Santos Dumont, Bartolomeu de Gusmão e sobre a presença holandesa em Pernambuco. Os livros têm o selo da Bentivegna Editora.
 
Tiras de JJ Marreiro
 
JJ Marreiro passou a publicar, através do site do Areia Hostil, sua série de tiras em que dois garotos: Lucy e Sky, um menino de cabelos espetados, são instrumento para comentários muito bem-humorados sobre a mudança da visão e do papel da mulher. Pelas primeiras 14 tiras, esperamos que a série venha a ter uma ampla divulgação, pois é o tipo de quadrinhos que não se tira da cabeça depois de ler. 
 
A volta do Capitão Rapadura
 
Outra boa nova cearense é a volta das tiras do Capitão Rapadura no Diário do Nordeste. O personagem de Mino, que completa 33 anos em 2005, terá a companhia de outros HQs nacionais: Silva Story, Dona Charmô e Xuxu, o Manso.
 
Pacotão DC e Marvel
 
A Mythos anunciou um belo pacote de títulos a ser lançados até 2006, que inclui edições especiais e mini-séries. Confira a lista.
 
Grandes Confrontos DC, com 4 aventuras: Superman vs. Lobo, Superman vs. Flash, Batgirl vs. Coringa e Lanterna Verde & Lanterna Verde.
 
O Universo DC na Visão de Stan Lee: volumes 1 e 2.
 
Asilo Arkham: Inferno em Vida, álbum em que alguns dos maiores inimigos do Batman estão expostos em suas relações num manicômio judiciário em que estão confinados. Em Portugal, onde já foi lançado, o título foi muito bem comentado.
 
Camelot 3000, que traz de volta estórias do Rei Arthur e os Cavaleiros da Távola Redonda na visão de Mike Barr e Brian Bolland, em dois volumes coloridos que repetem o formato da edição original.
 
Batman: O Fim da Inocência, minissérie em duas edições, em que o Homem Morcego combate a prostituição infantil. 
 
Liga da Justiça: Era das Maravilhas, minissérie que mostra mostrando como o surgimento do Superman no século XIX promoveu uma enorme reviravolta na Revolução Industrial.
 
Liga Da Justiça: Monstros Abomináveis, minissérie em três volumes com roteiro de Chris Claremont
 
Vingadores volume 1, com uma seleção de aventuras da fase de Roy Thomas e John Buscema  
 
E mais, Surfista Prateado volume 2, X-Men volume 4 e Homem-Aranha volume 3.
 
Mais CLAMP
 
Tokyo Babylon é o próximo título da CLAMP a sair no Brasil, entrando no lugar de X, que chega a seu último número. Na verdade, boa parte dos personagens de X apareceram originalmente em Tokyo Babylon. O lançamento oficial acontece na XII Bienal do Livro do Rio de Janeiro.
 
Já no Japão, o grupo emplacou mais um animê, desde abril, através da TV NHK. Trata-se de Tsubasa Reservoir Chronicle, uma mistura da duas suas séries de maior sucesso do CLAMP.
 
Fantasma News, site de Mandrake
 
Jean Carlos Covezzi, um grande batalhador pela difusão da arte de Lee Falk no Brasil, tomou a decisão de tornar oficial o que já vinha ocorrendo: o Fantasma News agora também é site de referência para notícias sobre Mandrake.
 
QUADRINHOS, EDUCAÇÃO & CIDADANIA
 
Bello, patrono de grêmio escolar
 
José Bello da Silva Júnior, o Bello, excelente chargista da Tribuna de Minas, de Juiz de Fora, proferiu uma palestra, no dia 12, para alunos da 4ª série do Colégio São José. A Partir da data, Bello assumiu o posto de patrono do grêmio recreativo do ensino fundamental. A idéia é que Bello estimule os estudantes a ter prazer pela leitura e interesse pelas artes em geral.
 
Bolívia: quadrinhos contra a corrupção
 
Com o apoio da Embaixada da França, foi lançada na Bolívia uma série de HQs contra a corrupção.
O primeiro volume narra a história de um garoto de 10 anos que vence a corrupção no próprio  ambiente familiar. O segundo mostra  como uma garota consegue o apoio dos vizinhos para mudar a história de seu bairro. Os autores dos quadrinhos são todos bolivianos.
 
Novos livros e nova cartilha de Ziraldo
 
A amizade de Ziraldo com o ilustrador Mig continua rendendo bons frutos: depois de títulos como 'O Livro de Informática do Menino Maluquinho', 'O Livro de Receitas do Menino Maluquinho' e 'Bonequinha de Pano', a Melhoramentos lança, na Bienal do Rio, 'Pra Mamãe Rir (Dela Mesma)' livro criado pela dupla a partir de fotopotocas com frases e ditados que toda mãe diz aos filhos.
 
Para comemorar os 25 anos de criação do Menino Maluquinho, Ziraldo reuniu 3 autores de  literatura infantil que são sucesso de crítica e público: Ana Maria Machado, Ruth Rocha e Pedro Bandeira para criar 3 livros ilustrados pelo próprio Ziraldo. Esta coleção também está sendo lançada na bienal carioca.
 
Já para o governo de Santa Catarina, Ziraldo realizou o Manual do Sortudo, uma cartilha com dicas para diminuir o risco de assaltos, com tiragem inicial de 100.000 exemplares e distribuição gratuita através de clubes de serviço, associações comunitárias e escolas.
 
Revista para ONGs que trabalham com o público jovem
 
O Instituto Votorantim lançou a revista Onda Jovem, voltada para profissionais de ONGs que trabalham com o público jovem. Segundo o instituto, até então, não existiam publicações voltadas este público.
 
A revista abre espaço para jovens talentos. No primeiro número, o ilustrador Marcelo Pitel, de 21 anos. teve oportunidade de mostrar seu valor. Para quem quiser participar da produção da revista, o e-mail é ondajovem@olharcidadao.com.br .
 
Namíbia: uma HQ contra a ignorância digital
 
A SchoolNet Namibia, um provedor de Internet e escola de Informática, lançou uma HQ que busca desmistificar a informática e atrair principalmente os professores para o mundo dos computadores. A história, cujo título pode ser traduzido por 'Ouça', está sendo distribuída como encarte do jornal de maior circulação do país, o The Namibian, mas também está disponível online.
 
Um bairro com sua própria HQ
 
As histórias do bairro portenho Parque Chas foram contadas em 11 episódios por Eduardo Risso, um dos mais relevantes nomes do desenho argentino (conhecido entre outros trabalhos, por 100 Balas), e por Ricardo Barreiro, roteirista falecido em 1999 e que teve obras publicadas pela Fantagraphics e La Cúpula, fora da Argentina, sendo um expoente da antológica revista Fierro.
 
Nas histórias, personagens como Corto Maltese, El Eternauta, e até o escritor Jorge Luis Borges contracenam com as pitorescas imagens e pessoas do Parque Chas, um bairro absolutamente sui generis.
 
Numa iniciativa de Enrique Barreiro, irmão de Ricardo, as histórias, várias já publicadas em alemão, em italiano e em francês, finalmente ganharam uma edição 'local', condensando os 11 capítulos. A obra, cujos originais corriam o risco de se perder devido a umidade, foram lançadas no próprio bairro, que agora tem um cartão de visitas cultural a oferecer a seus visitantes para que levem consigo mais que as lembranças das incríveis vielas e túneis.
 
Cinegibi para alunos da Pestalozzi
 
O circuito comunitário de exibição de filmes Cine BR em Movimento, exibiu, no dia 12, 'Cinegibi, o Filme – Turma da Mônica', para alunos da Pestalozzi de Cuiabá, em duas sessões.
 
Fábrica de Sonhos dos Amiguinhos'
 
2 animadores, 2 assistentes sociais, 1 psicólogo e 1 cartunista compõem a equipe que produz -semanalmente – o 'Bom Dia Amiguitos', em Figueira da Foz (Portugal), em que as crianças brincam, pulam, cantam e aprendem a conviver entre si.
 
Trata-se um programa de rádio infanto-juvenil de cunho pedagógico que trabalha com crianças desfavorecidas (e outras, também), ajudando na sua reinserção social
 
Quim Zé Carvalho, o idealizador da idéia, em 1986, diz que 'Numa sociedade cada vez mais individualista é importante que as crianças aprendam a partilhar e a socializar. Sem dúvida, uma boa lição de trabalho conjunto na qual a Nona Arte pode – e deve participar.
 
Quando a prisão política vira HQ
 
A trajetória de Mohammed Nadrani, ex-preso político (1976-1984) que se tornou artista da Nona Arte, no Marrocos, é contada por ele mesmo, no álbum 'Les Sarcophages du Complexe'
 
O autor se diz orgulhoso com a obra pois através dela conseguiu mostrar um pouco do que foi vivenciado pelos militantes presos nas mãos dos torturadores, e acrescenta que o crescimento de um vasto movimento cultural hoje no país é um dos frutos da resistência daquela geração. A obra promete ser um dos maiores destaques do principal evento de quadrinhos no país, o 2º Festival Internacional da Bande Dessinée de Tétouan, que acontece de 19 a 21 de maio.
 
A Nona Arte marroquina já tinha produzido, com a mesma temática, 2 volumes de Abdelaziz Mouride.

A imagem que os super-heróis transmitem da ciência
 
Simon Locke, sociólogo da Kingston University, da Inglaterra, desenvolveu uma pesquisa sobre a imagem que os super-heróis transmitem da ciência. Segundo o pesquisador, o saldo da relação não seria dos melhores. Focada no mainstream, a pesquisa sugere que os riscos que as pesquisas científicas trazem para a humanidade são o traço mais característico desta relação. O que, convenhamos, não deixa de ser também consequência do fato de que a ciência hoje se converteu em uma busca por lucros privados, normalmente, realizada atrás de 7 chaves, o que impede sua real visualização, dentro e fora dos quadrinhos.

 

(Semana dos Quadrinhos é um resumo semanal do Neorama dos Quadrinhos que procura, mais do que apontar os sucessos de editores e autores,  mostrar os caminhos pelos quais a Arte Sequencial se encontra consigo mesma, com a sociedade e com os leitores. A reprododução é livre, desde que citada a fonte: Neorama dos Quadrinhos www.neorama.com.br

Este resumo traz, com texto final de Marko Ajdaric, um apanhado do que foi publicado nas edições de 09 a 13 de maio de 2005.)