Simplicíssimo

Categoria - Colunas Antigas

Aqui você encontro textos “das antigas”, publicados no Simplicíssimo entre 1999 e 2012. Este é o nosso “Baú do Tesouro”, onde guardamos as relíquias da primeira fase, “de ouro”, do Simplicíssimo.

ÊNIO

  Arrimo de família, o Ênio luta com dificuldade de dar pena. Esfola-se, o pobre, pra conseguir levar pra casa um quilo de acém ou de fraldinha de quando em quando pra misturar com a farofa. Mas nem sempre foi...

Mandala das Lendas

  mandala das lendas – poções encantadas de sabedoria ancestral… Mandala rítmica convergindo flashs – fases, brilhos, processos, na simplicidade hieroglífica… texto: Clarice Villac, 10.07.2012 imagem:...

O Rumo

Fui andar, caminhei sem rumo até me deparar com o mar que de sua mais distante beleza me disse: Tem paciência moço, não vê como eu fico aqui jogando minhas ondas indefinidamente? Até que de repente me deparo com alguém...

Siga-nos!

Não tenha vergonha, entre em contato! Nós amamos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos!