Simplicíssimo

Gandhi, marrecos, cowboys…

nas folhas de plátano

navegam recordações

pelo rio de outono…

“An error does not become truth by reason of multiplied propagation,
nor does truth become error because nobody will see it.”

                                                                                    – Mahatma Gandhi

“Um erro não se torna verdade simplesmente através de sua divulgação multiplicada,
assim como a verdade não se torna erro simplesmente por que ninguém a vê.”

                                                      –  tradução livre por Clarice Villac

Esta reflexão conversa um pouco com meu espanto e estranheza, ao ver esta semana na tv
a ‘exultância’ dos norte-americanos com o final da caçada ao Osama.  Festejos como se tivessem ganho a copa do mundo, me pareceu extremamente simbólica a imagem da multidão em festa emocionada, em triunfo, e uma linda moça de belo corpo, longos cabelos loiros e chapéu de cowboy, levada nos ombros por um homem forte, festejando apoteoticamente, com a multidão embandeirada…

execução sumária,
fim da caçada,
a morte vingando a morte…

E o conto ‘O Alienista’ de Machado de Assis ?
Se todos são ‘loucos’, o melhor lugar para se estar é dentro ou fora do hospício ?

Se todos fossem ‘pagar a morte com a morte’,
quem sobraria sobre a face da Terra ?

Talvez os animais e as plantas, rios limpos, nascentes puras, matas exuberantes…

Raça ‘humana’?…

bah.

Clarice Villac
04.05.2011

—————————————-
Referências :

http://www.mahatma.org.in/quotes/quotes.jsp?link=qt

http://pt.wikipedia.org/wiki/Mahatma_Gandhi

imagens :

– Mahatma Gandhi and the pony of Bodmin Moor

– Marreca parda (Anas georgica spinicauda) – Casal com filhotes – foto de Cláudio Dias Timm
http://www.flickr.com/photos/cdtimm/3244880119/

Clarice Villac

Comente!

Deixe uma resposta

Siga-nos!

Não tenha vergonha, entre em contato! Nós amamos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos!

Últimos Posts