Simplicíssimo

10 Dicas para quem quer encarar o “Faça você mesmo!”

1. Em primeiro lugar, “Faça você mesmo” não é igual a “é moleza”. Não sabe ler?

2. Olhe bem o produto. Tem manual de instruções? Leia-o com atenção. É um saco, mas pode ajudar. Se não tiver (eles geralmente acham que quem faz tudo também sabe tudo), crie umas “você mesmo”.

3. Nunca comece no dia em que combinou algo com alguém para depois. Sempre demora mais do que você pensa e sempre dá alguma coisa errada, de forma que chegará atrasado e brabo ao compromisso. Uma boa música vai ajudar a esquecer que o tempo está passando e que você continua sem saber se isso realmente vai dar certo.

4. Se for usar alguma tecnologia elétrica, tipo furadeira ou coisa parecida, lembre-se que tudo que for ligado na tomada, inclusive ela própria, pode dar choque. Por conseqüência, o que não estiver ligado na tomada não causa choque (mais ou menos). Se você for bem chato e resolver testar até o fim esta dica, descobrirá também a concretude do ditado “até explicar que focinho de porco não é tomada”, mas terá que comprar um porco antes.

5. Medidas preventivas tais como desligar a chave geral, fechar o registro d ‘água, ter uma lanterna e uma farmacinha bem equipada são sempre úteis. Vá atrás também daquele cartãozinho do cara “faz tudo” (geralmente eles fizeram algum curso técnico de “fazendo você mesmo”). Você jogou em algum canto da casa sem dar bola nenhuma, lembra? Mas vai precisar usar no caso de se irritar e querer quebrar tudo que estiver pela frente (preserve, obviamente, o cartão “do cara”).

6. Atenção para o horário! Vizinhos em geral adoram que você comece a bater pregos e furar paredes depois das 22 ou antes das 8 da manhã. (se alguém afirmar que eu disse isso eu nego!).

7. Também atente para os horários em que exista uma ferragem aberta. Sempre falta alguma coisa besta que trava tudo. Se você já tem algum problema de coluna, é batata que terá que ir num pronto-socorro depois e já pode aproveitar para ter um atestado pela falta ao trabalho, escola ou assemelhados. (não dei idéia nenhuma!)

8. Pintar em dias úmidos é bem bom pra demorar a secar e o cheiro ficar insuportável. Mas se ainda assim é o que você quer (chato você hein?), avise um amigo que precisará dormir na casa dele aquela noite (chatíssimo).

9. Se existe alguma expectativa de sujeira, use um pano velho ou jornal para cobrir o piso antes de começar a função. Aquela velha dica chata da mamãe faz sentido. Se você acha que não haverá sujeira, use um pano velho ou jornal para cobrir o piso, pois certamente haverá sujeira!

10. Em geral, coisas do tipo “faça você mesmo” existem aos pampas, mas não se repetem ou passa muito tempo e você esquece como era. Agora, se você for o campeão dos chatos, irá se meter nas idéias dos amigos (que geralmente se transformam em ex-amigos). Assim, a última dica é: sempre antes de começar um “faça você mesmo”, leia estas dicas escritas por “eu mesmo”!

Caso estas dicas lhe foram úteis e você “fez você mesmo”, não me importarei de receber apenas 50% do que economizou, desde que “você mesmo faça” o depósito!

Eduardo Hostyn Sabbi

Últimos posts

Follow us

Don't be shy, get in touch. We love meeting interesting people and making new friends.

Most popular

Most discussed