Simplicíssimo

Retorno

Senhor me afastei de Ti,

Virei as costas ao teu Amor.
Cruzei os braços ao teu Perdão.

Deixei-te falando sozinho.
Não levei a sério os momentos de oração.
 
Afirmei minha auto-suficiência,
Declarei independência na minha vida.
Rompi nossa ligação.
Não quero mais os valores puritanos 
Que me propõe.]
Quero ser livre, agir por mim.
 
Me tornei o meu pastor.
Por verdes pastagens me pus a andar.
Quando todos viam luz ao norte.
No sul fui procurá-la.
No sentido oposto me imaginava
O único a estar certo.
 
Meio surpreso percebi quer não estava só.
Outros "corajosos" que também se "libertaram"
Estavam por ali.
Uns iam para direita, outros para a esquerda,
A verdade é que ninguém sabia para onde esta inda,
Inclusive eu.
 
Só me dei conta disso,
Quando o que firmava meus pés não
Eram mais as relvas do campo.
No meio das grandes árvores andava,
Meus pés se afundavam na lama,
Mas, teimoso não voltava.
Afinal, sou livre e não posso desistir.
 
Depois de muito caminhar,
Estava sujo, cansado e tinha fome.
Pensei: "não vou me preocupar,
Meu pastor tudo vai providenciar."
Porém, me dei conta de que eu era meu Pastor.
 
Estava perdido,
A angustia me dominou,
O desespero tomou conta do meu ser.
Minhas sólidas  bases de areia se desfizeram.
E o arrependimento me bateu a porta.
 
Percebi que invés de liberdade,
Eu mesmo me algemava na prisão.
Que a independência proclamada.
Era apego a ilusão, e os valores que pregava
Eram os da inconsistência que vivia.
 
Tornei-me o ser contradição.
Busquei luz,
Acabei nas trevas.
Procurei solo firme,
Me afundei na lama.
 
Já desistindo da vida,
Com fome, frio e sede.
Dando-me por vencido.
Aceitando a dor do fracasso.
Tu me estendesses as mãos.
 
Pois, o verdadeiro Pastor não 
Abandona a ovelha perdida.
Enquanto me perdia,
Correstes atrás de mim.
E alegras em me ver.
 
A justiça divina é diferente da humana,
Nela o amor é o Juiz ,
A promotora a misericórdia,
E Maria nossa advogada.
A sentença é rígida e dever ser cumprida acima de tudo:
 
Ame!

 

Hans Henrique da Silva Pereira

Comente!

Deixe uma resposta

Siga-nos!

Não tenha vergonha, entre em contato! Nós amamos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos!

Últimos Posts