Simplicíssimo

Flash

As coisas as quais penso

Ninguém pensa

E se passam pela minha boca

Nem mesmo penso eu

Muitas, talvez algumas vezes, perdemos a oportunidade de produzir alguma coisa boa, ou ao menos algo perto disso pelo simples fato de que não temos um papel pra anotar na hora em que elas surgem.

Pois elas surgem como espinhas, mas ao contrário destas, aquelas se não forem espremidas desaparecem. O que é uma pena, tanto para as espinhas quanto para as poesias.

Marcos Pedroso

Comente!

Deixe uma resposta

Siga-nos!

Não tenha vergonha, entre em contato! Nós amamos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos!

Últimos Posts