Simplicíssimo

Hoje em dia

 


Acontece cada coisa nesses dias!
Geração maluca que nada estranha
Bizarrices todo, toda hora
A gente ouve cada uma…

Acredito um pouco pois eu vi
Parece que esta não é minha era
Vim parar aqui sei lá como foi
Foi. Sei lá, que será de mim?

Três elefantes cor-de-rosa
Em roupas de bailarina
Passam voando e dançando
– Você viu isso?! Eram três.

Nesse máximo do mínimo
Onde o nada se transforma
Qualquer coisa que se justifique
Tremendas justas injustiças

Delegados, juízes, policiais
Investigadores, escrivães, porteiros
Advogados, árbitros de futebol, motoristas
Mendigos e o primeiro ministro

Valem nada se o outro não come
A culpa, a culpa não cabe
Não há canções na fome
Não há mérito na morte televisionada

Marcos Pedroso

Comente!

Deixe uma resposta

Siga-nos!

Não tenha vergonha, entre em contato! Nós amamos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos!

Últimos Posts