Simplicíssimo

psicótica

 


inexisto pro real

incomodo o mundo

sujo o espaço

gozo da demanda, ideal

invento fracasso
no impossível

desfaço laços
firo o crível

desfunciono a norma
dissocio o estruturado

sou o espinho da rosa
existindo por destino
e
ferindo

sou perigo constante
ameaça
que se quer distante

sou incapaz, descrita no papel
"devem sempre ser considerados como um perigo para si mesmos, um perigo para os outros e, severamente, incapazes."

mal social
que se espera nunca encontrar
ou rápido acabe, afinal

o único ganho secundário
de fato concreto
é a paz alcançada

no cemitério …

Tania Montandon

Comente!

Deixe uma resposta

Siga-nos!

Não tenha vergonha, entre em contato! Nós amamos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos!

Últimos Posts