Simplicíssimo

Paranóia Ideológica

Todo pensamento extremista distorce a realidade, vendo apenas um lado da questão. Isso acaba gerando conflito entre as pessoas e atrasando a evolução social. Veja os exemplos:
– Todo extremista radical de direita: vê os pobres como um bando de vagabundos que vivem pedindo esmolas e que não querem trabalhar; pensa que os empregados só querem ganhar dinheiro fácil e "fazer  hora" no trabalho; acha que fazer greve, lutar por seus direitos, se organizar em sindicatos ou movimentos – como os sem terra, sem teto, etc. – é coisa de agitador; acusa jornalistas, políticos e artistas de subversivos (lembram da censura, das cassações e do exílio?); acredita que a acumulação de bens e capital é a única forma de ter segurança no futuro.
– Todo extremista radical de esquerda: vê os ricos como exploradores dos pobres; pensa que os empregadores só querem enriquecer às custas do trabalho alheio; acha que a luta de classe e o confronto é a melhor forma de alcançar suas reivindicações e direitos; acusa jornalistas, políticos e artistas de instrumentos reacionários; acredita que uma revolução sangrenta é a única forma de mudar a sociedade.
A evolução da sociedade depende muito mais da inteligência do que de ideologias alienantes, que só vêem a "verdade" que lhe está de acordo. Infelizmente, muitas pessoas não pensam assim e continuam  querendo impor suas "verdades" que só geram conflitos e acabam atrasando a evolução social.

Celso Afonso Brum Sagastume

Comente!

Deixe uma resposta

Siga-nos!

Não tenha vergonha, entre em contato! Nós amamos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos!

Últimos Posts