Resoluções de Final de Ano II

Depois de muito pensar, Reginaldo Arnaldo resolveu tomar uma drástica decisão: Daqui para frente tudo vai ser diferente. Nada do que foi será do jeito que já foi um dia. Vou ser uma metamorfose ambulante. Tudo na minha vida vai funcionar por música.

I-RACIONAL

 

Violentos Haikais 59/X

Assaltante mau
roubou a mãe e o pai
e tomou pau

Faroeste 46/X

A vida é bela
amor e paixão, porque não?
o melhor para ela

 

 

RESOLUÇÕES DE FINAL DE ANO II

 

Depois de muito pensar, Reginaldo Arnaldo resolveu tomar uma drástica decisão: Daqui para frente tudo vai ser diferente. Nada do que foi será do jeito que já foi um dia. Vou ser uma metamorfose ambulante. Tudo na minha vida vai funcionar por música.

Tinha entrado de gaiato em um navio. Peguei tétano e disenteria. Minha casa era muito engraçada, não tinha teto, não tinha nada.

Eu vivia no mundo da lua, no sol e na chuva. O meu problema é que eu penso demais e estes tipos de cérebros valem mais, na linha do metrô 743.

 

Agora sim…

 

Outro mundo é possível. As coisas são imexíveis. Quero meu mensalão. A quantia roubada é módica, não caracteriza suborno. Salários a mais para não comparecer nas férias…

Salários, abonos, despesas, viagens, assessores…

Que vidão! Isto é que é viver por música…

 

Afinal de contas, os políticos não são pianistas?

 

De ré na contramão, longe da política!