Simplicíssimo

O menino que podia tudo

            Era uma vez um menino que queria fazer tudo. Tudo que experimentava com seus olhos, boca, nariz, ouvidos, mãos e coração ele queria. Queria dar de comer ao cachorro e queria dar de comer ao mundo. Queria salvar a Terra, salvar a mata, as baleias e até o pai da forca.

            Lia tudo, escutava tudo, apreciava tudo, discutia tudo. Afinal, queria fazer tudo.

            Um dia, foi comprar um quadro em uma galeria de arte e aprendeu que é necessário ser humilde e aprender que não se pode tudo. E fazendo o pouco que se pode, se pode tudo.

 

(a ser continuado) 

Rafael Reinehr

Comente!

Deixe uma resposta

Siga-nos!

Não tenha vergonha, entre em contato! Nós amamos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos!

Últimos Posts