Simplicíssimo

achados e perdidos

um verso azul
de rimas celestes
daquelas afundadas
quando o mar se encrespa

um verso vermelho
ponta de punhal
caldo borbulhante
notícia de jornal

um verso verde
jogado no deserto
a morrer de sede
entre galhos secos

um verso amarelo
pena de canário
largado na gaiola
pelo gato incauto

um verso branco
caído duma asa
em tempo distante
tempo de criança

um verso preto
sem procedência
versão do preconceito
da intolerância

Líria Porto

Últimos posts

Siga-nos!

Não tenha vergonha, entre em contato! Nós amamos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos!