O Taxaceiro

_ Consta aqui no sistema que você ainda está em dívida com a Receita Federal. Só poderá andar nas calçadas sem pisar nas emendas.

_ Mas como assim, eu deixo de pagar todas as minhas contas pra ficar em dia com o governo!

_ E quanto ao novo imposto para ajudar os pobres? _ Consta aqui no sistema que você ainda está em dívida com a Receita Federal. Só poderá andar nas calçadas sem pisar nas emendas.

_ Mas como assim, eu deixo de pagar todas as minhas contas pra ficar em dia com o governo!

_ E quanto ao novo imposto para ajudar os pobres?

_ Mas que diabo de imposto é esse?

_ Saiu no Diário Oficial dos Impostos de ontem.

_ Hã … gulp! Sabe como é, como ando meio sem grana, tive que cancelar a assinatura. Do que se trata?

_ Uma taxa sobre sua renda. Tens que doar na fonte 0,0047% do que você ganha para os pobres. É descontado direto na sua conta-corrente.

_ Bem … sabe … estourei meu limite no banco e quando fui reclamar dos juros altos eles fecharam minha conta.

_ Neste caso você pode optar por preencher o formulário “Sou Pobre” e concorrer ao sorteio que lhe dá a chance participar do rateio do que não for desviado deste imposto.

_ Não parece melhor que loteria, mas vamos lá. Cadê o tal formulário?

_ Aqui está. Depois de preenchê-lo você deve depositar R$ 60,00 na conta de um dos funcionários do alto escalão desta lista do Executivo, Legislativo e Judiciário.

_ Vocês enlouqueceram! Isso é um absurdo! Não tenho dinheiro nem para ser pobre!

_ Olha meu senhor, eu só faço o meu trabalho. Reclamações devem ser postadas em algum blog por aí. E se não tiver internet pode entrar naquela sala e usar um dos nossos computadores com modem de 14.400 bps.

_ Aquele que vocês cobram R$ 2,50 o minuto?

_ R$ 6,83. O senhor esqueceu de adicionar as taxas.