Cansada

Cansada de tanto sentir

Cansada de só sucumbir

Esvazio minha mente lotada

Enquanto a garoa me limpa a estrada

Cansada de tanto sentir

Cansada de só sucumbir

Esvazio minha mente lotada

Enquanto a garoa me limpa a estrada

 

 

Cansada de tanta agonia

Cansada de ficar perdida

Busco nos céus a grande harmonia

Pedindo às estrelas uma doce acolhida

 

Cansada de tanto sentir

Cansada de mandos ouvir

Fecho as portas de acesso a meu ser

Enquanto reflito para um pouco entender

 

Cansada de tanta agonia

Cansada de lágrimas aos montes

Peço ao anjo: – faz-me companhia!

Não deixe que meu espírito desmonte