Críticas Severas

A forma errônea como são conduzidas as ações governamentais em todas as áreas, em todas as épocas, vem merecendo da população severas críticas. A falta de um mínimo de ética só pode comprometer nossa frágil democracia. A legislação eleitoral é anacrônica. Precisa ser revista logo. A não ser que queiramos continuar a ver um presidente sendo eleito pela maioria esmagadora da população e sem poder governar,… A forma errônea como são conduzidas as ações governamentais em todas as áreas, em todas as épocas, vem merecendo da população severas críticas. A falta de um mínimo de ética só pode comprometer nossa frágil democracia. A legislação eleitoral é anacrônica. Precisa ser revista logo. A não ser que queiramos continuar a ver um presidente sendo eleito pela maioria esmagadora da população e sem poder governar, a menos que venha a se submeter às chantagens de partidos fisiológicos/clientelistas. Em nome da ‘governabilidade', é comum assistirmos ao presidente se curvando aos interesses obscuros de parlamentares. Políticos cuja maneira de agir envergonha o País. Mas devemos abrir uma exceção para reconhecer, na figura do senador Eduardo Suplicy (PT-SP), um político sério e comprometido com a forma honrada de se fazer política, quando num gesto digno decidiu assinar o requerimento da CPI dos Correios, contrariando a orientação do seu partido. Seu gesto demonstra que nem tudo está perdido no Brasil. Outros deveriam fazer o mesmo.