Simplicíssimo

Autor - Iara Ga Iañez

Cabe a Mim

Posso sentir o que for Isso só cabe a mim Nem a você Nem a ninguém   Posso pedir o que for Posso gritar uma dor Um amor Um favor Qualquer valor Só cabe a mim   E ninguém mais Será capaz De sentir Meu pavor Ou meu amor...

Regresso

Por onde andei que me esqueci do tato das coisas? Das cores,dos cheiros… De tudo o que sei Por onde andei que me esqueci de mim? De tudo o que gosto de sentir De dizer e de ouvir… Me deixei levar por...

Grito Surdo

Grito Surdo  O vazio que sentia era suficiente para preencher-lhe toda a alma. A tal ponto que não lhe cabia nenhum outro sentimento a não ser o de solidão. E talvez isso fosse tão sólido que nem só se sentia. Na...

Canção para Luciana

Amiga, não chore! Te esperarei! Prá fazer-te olhar Para o SIM e o NÃO Prá mostrar-te que há TUDO além do perdão Prá levar-te além De uma simples canção Amiga, sorria! Me estenda sua mão! Levanta-me mais uma vez desse...

Canção para Luciana

Amiga, não chore! Te esperarei! Prá fazer-te olhar Para o SIM e o NÃO Prá mostrar-te que há TUDO além do perdão Prá levar-te além De uma simples canção Amiga, sorria! Me estenda sua mão! Levanta-me mais uma vez desse...

Ai que dor!

Ai que dor! Que dor é essa? Que me come Me consome E não me some Não me desaparece Nem se estabelece Ai que dói! Que dor que dói! Que me corrói Faz lembrar de tudo Faz sentir de novo Faz pedir pra tudo Se afastar de mim...

Te Amo

    Mesmo assim te amo     Quando queres e quando não queres     Te amo quando foges de mim     Não faz mal     Te espero     E você chega     Prá dizer que ainda não quer     Mesmo assim te amo     Mesmo de qualquer...

A mãe

A mãe que eu não tive Brinca comigo todas as manhãs Em meus pensamentos A mãe que eu não tive Abre meus cadernos Se interessa pelas minhas coisas Lê nos meus olhos a aflição do aprendizado Que vai além dos cadernos Além...

Overdose de vida

Se bebo cerveja? Se fumo maconha? Que droga uso eu? Bebo alegria! Em doses cavalares A ponto de doer-me a glote Fumo a vida! Num cigarro tão bem enrolado Que posso senti-la em todas as suas nuances Minha droga? Minha...

Vácuo

E ainda que eu saia do meu corpo Corro para mim A me perder de mim Dentro de mim E ainda que procure por ti Sem te achar De novo me perco de mim Dentro de mim E caminho assim A te procurar fora de mim A te perder dentro...

Siga-nos!

Não tenha vergonha, entre em contato! Nós amamos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos!