Simplicíssimo

Sedenta

Caminho sozinha entre as árvores. O momento que vivencio é intenso, único. Aqui é  o que realmente existe. É agora.

Ruídos ficaram para trás. Tudo passou. Não importa. Continuo caminhando. Sou andarilha. Busco.

A paz que encontro é reconfortante. O encontro comigo, ali adiante, é o presente que ofereço a mim mesma.

Inteira, posso encontrar o outro e compartilhar. Dividida, não sirvo para o mundo. Minha alma sedenta grita meu nome.

 

Sayonara

Comente!

Deixe uma resposta

Siga-nos!

Não tenha vergonha, entre em contato! Nós amamos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos!

Últimos Posts