Simplicíssimo

Saco

Isso tudo me estressa

Não sobrou dinheiro
Décimo terceiro saiu pelo ralo
Político algum cumpriu promessa

Teu presente não pude comprar
O meu também não veio, óbvio
Se veio, logo vira passado

E diz para melhor me comportar
Sei, conta outra que acredito

Daqui uma semana me aguarde
Bebo todas só de raiva
Vai me ver todo esquisito

Tem dias que é assim
A gente logo enche o saco.
E ainda por cima hoje, que é Natal

Sete dias pro fim
Olha, vou te dizê
Breve tudo começa do novo

… de novo…
Soltar foguete pra quê?

Eduardo H. Sabbi e Ibbas Filho

Comente!

Deixe uma resposta

Siga-nos!

Não tenha vergonha, entre em contato! Nós amamos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos!

Últimos Posts