Simplicíssimo

das inultilidades

CENA 1:
Usuário e técnico:

 — Não sei o que houve com sua máquina, vou ter que levar para dar uma olhada.

RESPOSTA 1:

— Não, não, pode formatar, tranqüilo, nem precisa backup.

RESPOSTA 2:  

— Ai meu deus, eu não vou perder nenhuma “informação” que tem dentro dele, né?

CONCLUSÃO 1:

Você percebe o quanto um computador é inútil quando você não tem nada de importante guardado nele.

CONCLUSÃO 2:

Você percebe o quanto sua vida é inútil quando tudo o que você têm de importante (ou não) está guardado no seu computador.

Rodrigo D.

Comente!

Deixe uma resposta

Siga-nos!

Não tenha vergonha, entre em contato! Nós amamos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos!