Simplicíssimo

Passando a marcha

Virou à esquerda. Passou em frente à casa dela. Não parou: passou a marcha, fez o sinal da cruz e acelerou em direção ao poste mais próximo. Concreto e ferro, sangue e gasolina. Virou à esquerda. Passou em frente à casa dela. Não parou: passou a marcha, fez o sinal da cruz e acelerou em direção ao poste mais próximo. Concreto e ferro, sangue e gasolina.

Mariana Barbosa Ferraz Gominho

Comente!

Deixe uma resposta

Siga-nos!

Não tenha vergonha, entre em contato! Nós amamos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos!