Simplicíssimo

Pelotão de Choque

Direita, esquerda, direita, esquerda.

O pelotão já marchara três quilômetros mata adentro, num calor de trinta e oito graus a sombra. A água dos cantis já estava acabando e comida, apenas em sonho. O tenente gritava a plenos pulmões e comandava com o maior vigor. Os soldados já não tinham o mesmo estímulo.

Direita, esquerda, direita, esquerda.

E o Número 152 caiu duro.

Mariana Barbosa Ferraz Gominho

Comente!

Deixe uma resposta

Siga-nos!

Não tenha vergonha, entre em contato! Nós amamos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos!