Simplicíssimo

Breve

O ruído intermitente brada

Acabou o brevíssimo momento

Quando começou já falava

Do termo e do desalento

Rápido como uma pestanejada

Instantâneo.

 

Fim sem meio, sem gosto

É assim não muda

Efêmero. O tempo de cobrir o rosto

Sentado. Cansado. Clamo ajuda

Sinto pesar. Na cabeceira um enrosco

Lamento.

 

Mas não. Hoje eu ficaria

Decidi não atender ao chamado

Decidi não acabou. Por dentro ria

Vitorioso & resolvido

Decidi mereço. Não me renderia

Minutos.

 

Dez momentos enfrentei

No ar refiz as agruras da batalha

Percebi era fraco, murmurei

A obrigação de andar no fio da navalha

Sentado, e ao espelho me aprumei

As ruas.

 

A sair sonhando com o entrar

Fraco vendido desiste cativo

Olhos embotados. O breve recostar

Boca amarga. Deixar o objetivo

Triste vou, mas, fico no altar

Multidão.

Marcos Pedroso

Últimos posts

Follow us

Don't be shy, get in touch. We love meeting interesting people and making new friends.

Most popular

Most discussed