Simplicíssimo

Firme, prossigo

 
     O tempo passou. As flores amarelas deram lugar a folhas verdes, marcando o início de outra época. As crianças cresceram, algumas pessoas se foram, outras chegaram. O calendário me lembra que um novo ano está por vir.
     A permanente impermanência indica a inivevitável realidade da qual fugi inutilmente, por tantas vezes. Ultimamente as mudanças tem sido tão velozes que chegam a causar um certo estranhamento.
     Meu ritmo interno muda lentamente. Aos poucos vou me adaptando a tantas novidades e tento acompanhar o desenrolar do processo do qual não posso escapar. Ninguém pode.
     Já que as transformações são inevitáveis, prefiro acreditar que bons ventos trarão boas novas e que o melhor está por vir. 
      Pedra que rola não cria limo, diz o ditado. Firme, prossigo.

Sayonara

Comente!

Deixe uma resposta

Siga-nos!

Não tenha vergonha, entre em contato! Nós amamos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos!