Simplicíssimo

“Príncipe encantado”

Ele poderia ser de verdade e me resgatar do castelo, segurando firme a sua espada ( e que espada! ).Ele poderia ser quase perfeito.Quase adestrado pra tudo que a minha "loucura" procura ou acha que procura.Ele poderia ser inteiro, sincero , educado , inteligente, bom leitor , bom ouvinte , bom amigo, bom filho, bom pai e bom de fazer rir diante de uma tromba de ciúme ou de ataque de tpm.
Ele poderia beijar como nenhum outro e fazer o mundo perder o sentido quando beija como nenhum outro.E ser sempre mais do qualquer outro…ou tentar.
Ele poderia amar como se todas as vezes tivesse o encanto da primeira , e a intensidade da última. Ele poderia amar incansável e contrariar o corpo deixando de dormir depois , pra abraçar , envolver, dizer eu te amo mil vezes ( "eu te amo" meloso , bobo e essencial ).
Ele poderia entender "que sim é sim , que não nem sempre é não" e que eu teimo complicar em demasia quando o sentimento é grande e que isso significa " eu sou apenas a sua menina brincando de ser mulher , morrendo de medo de te perder ".
Ele poderia nunca pensar em ir embora só porque erramos tentando acertar.Ele poderia ficar quando nos fingimos prontos pra ir embora ( e na verdade , ainda nem chegamos aonde poderemos se formos bonzinhos com as forças " ocultas " que nos empurram um para o outro).
Ele poderia ser os meus pedaços perdidos no universo e recolher todos os pedaços perdidos dele no universo para que juntos consertemos tudo num cantinho que será novo e nosso.
Ele poderia ser o fim de dia que compensa os escombros da minha rotina , ser a festa que invade a minha alma cansada e a raiz forte de um amor que enfim, não deixará nenhuma dúvida.
Ele poderia sair dos meus sonhos , existir e ser apenas você.

Fabiana Marques Borges

Comente!

Deixe uma resposta

Siga-nos!

Não tenha vergonha, entre em contato! Nós amamos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos!