Simplicíssimo

Culo

crianças brincando com pedaços podres de carne crua
o chão batido
os pés na terra
o mormaço
o vento norte
redemoinho
um novelo de cisco que sobe
e o zumbido de moscas pesadas
a tarde pesada
as barrigas pesam com a fome que carregam

 

ossos pelados
turminha ao longe no jogo do osso
vida maleva
escassa de buena-dicha

só dá culo

Cláudio B. Carlos (CC)

Últimos posts

Siga-nos!

Não tenha vergonha, entre em contato! Nós amamos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos!