Simplicíssimo

Escrevo pelos maus poetas

Não escrevo por mim ou por você

Aliás, se há alguém por quem não escrevo

Esse alguém é você

 

 

Não escrevo pelo Amor

Nem pelo Ódio, rancor ou raiva

Nunca pela saudade, ou dó

Nada disso me deu motivo

 

 

Escrevo não para ser reconhecido

Estudado analisado dissecado, não!

Escreveria então pra mim

Eu não existo

 

 

Escrever pelos maus poetas

 

 

Pelos bons Poetas eu morreria

Eu morro!

Os bons jamais morrem

 

 

Saber que se pode ir além

Em uma simples inversão

Uma Inversão Simples, a Subversão

 

A escolha apurada da palavra

Cada uma delas merece atenção

Tal que os maus e eu não sabemos dar

 

 

Não vou, mas se eu fosse

Subindo às nuvens escuras da pretensão

Escolher um motivo para escrever

 

 

Escreveria pelos maus poetas

Marcos Pedroso

Comente!

Deixe uma resposta

Siga-nos!

Não tenha vergonha, entre em contato! Nós amamos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos!

Últimos Posts