Simplicíssimo

Edição 305 (04/12/08) – Sport Club Internacional, campeão de tudo

Sei que futebol não está na veia de todos os leitores, mas ainda assim é, sem dúvida alguma, uma paixão nacional. Pois na noite do dia 03/12/08, ou mais especificamente na madrugada do dia 04/12/08, o Brasil acompanhou a emocionante final da Copa Sul-Americana de Futebol (equivalente à Copa da UEFA, segundo a FIFA). O Sport Club Internacional enfrentou o time argentino Estudiantes e, com um gol aos 8 minutos do segundo tempo da prorrogação, levou a melhor, sagrando-se campeão do certame, uma façanha inédita para o futebol brasileiro.

Tornou-se com isso, o brasileiro mais internacional nas suas conquistas ou, como os jornais noticiam por aqui, CAMPEÃO DE TUDO, numa referência às conquistas possíveis dentro dos nobres campeonatos existentes. Dentre os títulos acumulados, temos 38 Gauchões (contra 35 do segundo rankiado), 3 Campeonatos Brasileiros (com a exclusividade de um título invicto em 1979), 1 Copa do Brasil, 1 Copa Libertadores da América, 1 Mundial de Clubes FIFA, 1 Recopa (a conquista desses três em seqüência lhe deu a chamada Tríplice Coroa), 1 Dubai Cup e agora a Copa Sul-Americana (veja todos os títulos conquistados no site oficial do Inter).

Image Image Image Image
Diário Gaúcho O Sul Zero Hora Zero Hora (Inter)

Obviamente que a já conhecida e insana fúria gremista não mede esforços para desfazer o mérito dos colorados. Mas não há inveja capaz de abalar a maravilhosa festa que presenciamos, transmitida para 72 países, nem o que já está reconhecido mundialmente, como mostra o trecho retirado do site da Confederação Sul-Americana de Futebol (CONMEBOL):

El camino a la consagración
El conjunto "colorado" disputó diez encuentros, habiendo comenzado su periplo en la Copa Sudamericana en la segunda Instancia de la Primera Fase, donde paradojicamente enfrentó a su archirrival Grêmio, (…) Universidad Católica de Chile, (…) Boca Juniors, (…) Chivas de México (2-0 y 4-0), demostrando una superioridad notable, que volvio a evidenciar en los juegos decisivos frente a Estudiantes LP.

Cuatro títulos en dos años
Hasta hace unos años atrás, Inter gozaba de ser el equipo más grande de Porto Alegre, por sobre su rival Grêmio, pero nunca había podido demostrar tal superioridad a nivel internacional. En 2006 le tocó el turno de codearse con la gloria al obtener la Copa Libertadores en gran final frente al anterior campeón, São Paulo FC.
A fin de año, y en Japón, defendió su título de campeón de América en el Mundial de Clubes de FIFA y enfrentó en la final al poderoso Barcelona de España, a quien venció por la mínima diferencia, para conseguir su segundo lauro a nivel interclubes en tan solo seis meses. En 2007, como campeón de la Copa Libertadores logró la Recopa Sudamericana batiendo en la finalísima a Pachuca de México, campeón de la Sudamericana en 2006.”

Parabéns Inter, que tua vitória espalhe muita energia positiva pelo planeta real e virtual, incluindo nosso simpliespaço, que tem mais uma estréia nessa edição: Anna Karenina com o poema “Sentir a Vida”.

Eduardo Hostyn Sabbi

Últimos posts

Follow us

Don't be shy, get in touch. We love meeting interesting people and making new friends.

Most popular

Most discussed