Simplicíssimo

O Ser Mulher

Alguém pode me dizer, o que é ser mulher? Quem sabe até me informar, de que maneira me portar, para ser assim "feminina"? São várias as interrogações pairando sobre esse ser que, dizem, é indecifrável. Vejam só, até mesmo Freud morreu sem saber definir o mecanismo psíquico que cria o feminino, isso mesmo: cria , pois saibam que não se nasce mulher, faz-se assim. Nem mesmo aquele que se dedicou a interpretar e decifrar de alguma forma o universo psíquico soube responder à pergunta "o que quer a mulher"? Mas, o que quer a mulher quando pede amor, atenção ou espaço? Que amor reivindica àquele que, jura, não a entende? E que tipo de espaço ainda reclama? Será que já não chega o espaço na cama? Pobres almas masculinas que ainda teimam em querer entendê-la se nem mesmo ela assim o pode! Que estranho gênero que não se basta naquilo que vê, não se reduz a um corpo, não tem uma só voz, e às vezes parece estranha a si mesma. Mãe? Esposa? Professora? Criada (muda)? Senhora? Prostituta? Qual será o seu destino? Firme, fingida, fogosa ou frígida! Terá ela um filho, quem sabe até o seu próprio estilo? Quanta exigências lhe impõem: casa, comida e roupa lavada, um marido bem cuidado, e flores nas sacadas?! Ó meu Deus quanta tristeza, que espécie de beleza deve ser sua aparência? Loura, ruiva, morena ou morena escura? Coxas grossas ou esguias? Sem falar na barriguinha! Mas que mulher é essa que não nasce mas se cria, se inventa, se atualiza, se modela e reivindica? Que quer gozo e quer carinho? E não raras vezes se priva dos próprios planos para seguir os do marido? Com certeza não são fáceis as perguntas que rodeiam esse mundo feminino, e não teria eu a pretensão de responder. E sei que, mesmo quem julga ter explicações para seus fatos, jamais entenderia o fato, de uma mulher simplesmente ser!

Carolina Schumacher

Últimos posts

Siga-nos!

Não tenha vergonha, entre em contato! Nós amamos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos!