Simplicíssimo

Amor e Revolta – Capítulo Três – Prelúdio de uma traição

Muitos anos depois de provar o gosto amargo de uma decepção amorosa quando amava Rosa desesperadamente e sentir o mesmo por outras inúmeras vezes, Oscar lia e relia com muita atenção:
Estava estampada em todos os jornais a entrevista coletiva com o Inspetor Hernandez:
Na qual ele dizia:
—Bem, como chegamos ao nosso maior suspeito? Em primeiro lugar uma testemunha ocular nos ajudou muito e nos deu detalhes da aparência daquele que acreditamos ser o nosso assassino. Daí investigamos sobre as datas, combinando-as com acontecimentos da vida pessoal de nosso suspeito e então vimos a necessidade de investigá-lo de cada vez mais perto.
Isso nos tirou uma dúvida que nos Intrigava bastante: o tempo entre um crime e outro variava sem lógica nenhuma. Então aí é que está a importância de tudo que nos foi relatado por nossa testemunha. Podemos então entender o porquê da variação dos intervalos entre os crimes. Estava tudo explicado na vida pessoal de nosso suspeito: Ele mata sempre depois de uma desilusão amorosa, mas não estamos apenas trabalhando com uma possibilidade, pois também não podemos descartar que alguém pode estar matando justamente para incriminá-lo. Então investigaremos todos aqueles que poderiam querer o indiciamento de nosso suspeito.
Se concluímos tudo e chegamos a uma conclusão definitiva? Não, mas sabemos que muito em breve algo novo deve acontecer e estamos preparados para isso.
 
Oscar era agora um bem sucedido diretor geral de uma empresa de grande sucesso, possuía como maiores aliados sua amada esposa Victória e aquele que considerava como um irmão, Arnaldo.
Arnaldo depois de esperar que Oscar saísse da sala dizia:
—Eu sei que ele vai agir como eu estou prevendo. Então será a hora certa… Querida, não podemos fraquejar agora, estamos muito perto de nosso objetivo.
—Claro, meu amor, até mesmo porque não estou agüentando mais esperar até rir da cara desse idiota. Seus agrados quase que diários são cada vez mais ridículos.
—Victória meu anjo, rirei dele junto com você, só questão de tempo.


{include_content_item 2926}

Frank Santos

Comente!

Deixe uma resposta

Siga-nos!

Não tenha vergonha, entre em contato! Nós amamos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos!