Simplicíssimo

Edição 311 (15/01/09) – Editor(sem)ação

As decisões difíceis são, via de regra, ambivalentes. O que muda são os pontos, contrapontos, motivos e desmotivos (o Word me avisa que essa palavra não existe, o dicionário confirma. Mas que diabos, como alguém pode ficar desmotivado se não existe desmotivo?).Mas enfim, como todos devem ter observado nas últimas edições, a questão é que tenho tido muito pouco tempo para ler e comentar os textos do Simplicíssimo. Na verdade, tem sido complicadíssimo conciliar minha vida profissional e demais atividades não-virtuais com a editoração e participação nesse site. Embora eu goste de todas elas, não posso dizer que gosto de ambas as quatro citadas, já que “ambas” é um termo que se usa apenas em referência a dois/duas, nunca mais do que isso. Aliás, paira agora uma dúvida no ar: para ambivalência se aplica o mesmo raciocínio? Se, por exemplo, no meio do vestibular, você não sabe se marca a opção A ou B, podemos chamar isso de ambivalência (entre as duas valências, A e B). Se o problema for entre A, B ou C (ou ainda D e E), talvez o problema não seja a ambivalência, mas chamaremos de algo como falta de estudo ou burrice (ou ambas).

Mas chega de enrolação. O fato é que decidi largar a batuta da editoração desse zine por tempo ainda não determinado, sem com isso deixar de escrever nele, com a inestimável ajuda do Ibbas Filho. E, como não somos insubstituíveis, já estamos preparando o manual de instruções de fácil utilização, para que outro simplinteressado possa desempenhar esse papel, ao lado do Rafael.

Impossível deixar de agradecer às contribuições dos simpleitores e simpliautores na convivência de bastidores que renderam muitas amizades que não terão fim. Aliás, assim como quando eu escrevi em novembro de 2004 o texto A primeira volta, quem sabe seja essa também apenas mais outra das que o mundo dá, ou das que eu dou no mundo…

Simpliabraços e não deixem de conferir o texto de estréia da simpliaturoa Karem de Andrade!

Eduardo Hostyn Sabbi

Últimos posts

Siga-nos!

Não tenha vergonha, entre em contato! Nós amamos conhecer pessoas interessantes e fazer novos amigos!